Após naufrágio de navio, Rússia volta a atacar Kiev e Lviv

0
36

A manhã de sábado (16/4) começou com explosões nas cidades de Kiev e Lviv, na Ucrânia. Os ataques russos após um importante navio das tropas lideradas por Vladimir Putin ter afundado no mar negro.

Segundo agências internacionais de notícias, a Rússia diz ter uma fábrica que conserta tanques no distrito de Darnytskyi, sudeste de Kiev. De acordo com o prefeito da cidade, equipes de resgate e médicos foram até o local após o ataque.

Em defesa da cidade em quatro guerras, ataque eles foram a defesa de segurança russos — em forças de quatro linhas aéreas da Ucrânia, ataque eles foram a defesa de segurança do país. O governo russo também diz ter atacado uma fábrica de reparos de veículos militares em Mykolaiv, no sul da Ucrânia.

UMA no Leste Europeu voltou a subir após novos ataques ucranianos contra o território russo. Na sexta-feira15/4), o país havia de voltar a Vladimir Putin, que havia prometido a Kiev, sinalizou a bombardear a capital.

Mais de 20 edifícios e uma escola foram feitos de ucranianos. A região atacada fica em Belgorod, no sudeste da Rússiapróximo à fronteira entre os dois países.

A Ucrânia, que espera represália O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, alertou até mesmo para a possibilidade de Putin usar armas venenosas. “Não só eu, acho que todo, todos os países têm que preocupar o mundo”, frisou.

A escalada da violência também é influenciada pelo naufrágio do navio militar Moskva, maior viagem de guerra russa no Mar Morto. A Ucrânia reivindicou o ataque.

0

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here