Regulador holandês aplica 10ª multa à Apple por disputa de aplicativos de namoro, avaliando nova proposta Por Reuters

0
35

© Reuters. FOTO DE ARQUIVO: O logotipo da Apple é visto em uma Apple Store no Brooklyn, Nova York, EUA, em 23 de outubro de 2020. REUTERS/Brendan McDermid

AMSTERDÃ (Reuters) – O órgão de defesa do consumidor holandês impôs nesta segunda-feira uma décima multa semanal contra a Apple (NASDAQ:)

A Autoridade para Consumidores e Mercados disse que suas multas contra a empresa na longa disputa agora totalizam 50 milhões de euros (US$ 55 milhões), o máximo possível sob seu pedido atual.

Ele disse que a Apple apresentou uma nova proposta para cumprir a ordem no domingo – uma medida que o órgão de vigilância disse que acolheu, mas que chegou tarde demais para evitar a multa.

A prática da Apple de exigir que os desenvolvedores usem seu sistema e paguem comissões de 15 a 30% nas compras de produtos digitais está sob escrutínio de reguladores e legisladores em todo o mundo.

Embora o caso holandês se limite a aplicativos de namoro na Holanda, pode abrir um precedente para a empresa norte-americana, que negou irregularidades. A ACM vem aplicando multas semanais contra a empresa na disputa desde janeiro.

A ACM disse na segunda-feira que a nova proposta de conformidade da Apple era concreta o suficiente para que seja possível fazer uma conclusão “o mais rápido possível” sobre se a empresa cumpriu sua ordem. Ele disse que consideraria a proposta e consultaria fabricantes de aplicativos de namoro, como o proprietário do Tinder Match Group Inc (NASDAQ:).

Dependendo do resultado, a agência disse que ainda pode impor novas multas periódicas “com penalidades possivelmente mais altas” para incentivar a empresa a cumprir.

Sob novas regras acordadas na semana passada entre a Comissão Europeia, governos da UE e legisladores da UE, a Apple será obrigada a abrir sua App Store para pagamentos alternativos assim que a legislação entrar em vigor em outubro.

(US$ 1 = 0,9114 euros)

Isenção de responsabilidade: Mídia de fusão gostaria de lembrá-lo que os dados contidos neste site não são necessariamente em tempo real nem precisos. Todos os CFDs (ações, índices, futuros) e preços de Forex não são fornecidos por bolsas, mas sim por formadores de mercado e, portanto, os preços podem não ser precisos e podem diferir do preço real de mercado, o que significa que os preços são indicativos e não apropriados para fins comerciais. Portanto, a Fusion Media não se responsabiliza por quaisquer perdas comerciais que você possa incorrer como resultado do uso desses dados.

Mídia de fusão ou qualquer pessoa envolvida com a Fusion Media não aceitará qualquer responsabilidade por perdas ou danos resultantes da confiança nas informações, incluindo dados, cotações, gráficos e sinais de compra/venda contidos neste site. Esteja totalmente informado sobre os riscos e custos associados à negociação nos mercados financeiros, é uma das formas de investimento mais arriscadas possíveis.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here