Pix parcelado vai substituir cartão de crédito?

0
57

Desde o lançamento do Pix, no final de 2020, falta uma característica que colocasse a ferramenta de pagamentos na competição com o cartão de crédito: possibilidade de parcelar as compras. Com as novas opções que os Bancos suporte, isso pode mudar.

O Banco Central liberou essa nova função do Pix para alguns bancos e fintechs, que já complementaram essa possibilidade em seus aplicativos. ideia é que a pessoa recebe o valor total do pagamento, à vista, e quem paga, pode parcelar o valor.

Por enquanto, apenas o Santander, Mercado Pago e PicPay disponibilizam essa opção. Cada um possui suas próprias regras. O principal motivo disso é que o Banco Central ainda não está definido como funciona o retorno dessa operação.

É que você provavelmente também gosta:

Pix ou cartão de crédito? Qual o melhor para parcelar?

Saque do FGTS de R$ 1 mil será liberado por Pix?

Nubank está de aniversário e envia Pix 75 ao responder R$?

Atualmente, o cartão de crédito lida com altos juros, tanto para lojistas quanto para usuários. Assim, com o Pix pode ser que as taxas, sejam diferentes e, a partir disso, uma migração para o uso da nova ferramenta. Tudo depende de como será a regularização desse parcelamento.

Como funciona o Pix parcelado?

Cada uma das três instituições que já oferece essa propriedade como suas regras e taxas. Confira abaixo:

  • Santander – O Pix pode ser dividido em até 24 parcelas, com 2,09% de juros por mês. O valor mínimo do parcelamento é de R$100;
  • Mercado Pago – O parcelamento do Pix pode ser feito em até 12 vezes, com 2,5% de entrega. O valor mínimo para o parcelamento é de R$ 15;
  • PicPay – O Pix pode ser dividido em 12 parcelas, com 3,99% de juros por mês. O valor mínimo não foi estipulado.

É importante se atentar às taxas, pois o custo final pode ser alto. Por causa dos juros, um produto comprador no Pix do Santander pode creme 64% mais. Já no modelo do PicPay, o valor fica 60% maior. Com o Mercado Pago o valor sobe 34%.

Apesar da facilidade, assim como o cartão de crédito, é necessário considerar se o parcelamento é a melhor opção. Se há apenas a mesma opção: parcela não há outra escolha.

O Pix parcela das novidades anunciadas pelo Banco Central em dezembro de 2021. É possível que ainda essa ferramenta conte também com funções de agendamento, pagamento offline, por aproximação e download internacional.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então não siga não canal do youtube e em nossas redes sociais, como o o Facebook, Twitter, Contração muscular e Instagram. Assim, você acompanhará tudo sobre Bancos digital, cartões de crédito, Financeiro, fintechs e relacionado ao mundo das finanças.

Imagem: rafapress / Shutterstock.com

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here