Acusado de, Ribeiro deve deixar MEC para se defensor

0
31

Crédito: Valter Campanato/Agência Brasil

O ministro Educação deve se afastar do cargo, Milton Ribeiro Educação deve se mudar para a defesa do cargo da carga (O ministro da Defesa da Carga, Milton Ribeiro deve se mudar para a defesa do Valter, Campanato, Campanato Brasil/)

Depois de dizer que colocaria “a cara no fogo” por Milton Ribeiro, o presidente Jair Bolsonaro (PL) deve afastar ainda nesta segunda-feira (28) o ministro da Educação. Envolvido em denúncias de defesa, Ribeiro teria licença para se dedicar à sua segunda defesa de O Globo o blog de Malu Gasu para se dedicar à sua segunda defesa.

Acusado de delimitar o lugar pelos prefeitos, Ribeiro deve dar o secretário-executivo do Ministério da Educação (MEC), Victor Godo Veiga.

+ Bolsonaro tem até sábado para promover a reforma ministerial
+ Eleição é luta do bem contra o mal, diz Bolsonaro no lançamento de sua pré-candidatura

Bolsonaro, a princípio, resistia à missão de Ribeiro, aliados à tentassem convencê-lo de que o ato seria benéfico à campanha de reeleição. Bolsonaro e Ribeiro conversaram no último sábado (quando o ministro teria antecipado de que seria melhor 2 o final do último sábado: se provada, poderia retornar ao final de ME), no final: se provada, poderia retornarC.

Lideranças evangélicas, como o pastor Silas Malafaia, o ex-senador Magno Malta, o deputado Marco Feli e o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) André Mendonça lideram entre os que defendem a saída de Ribeiro.

Prefeitos acusam os pastores Gilmar Santos e Arilton Moura de pedir propina para liberar recursos públicos do MEC à construção de escolas e creches. Um áudio divulgado pelo jornal Folha de São Paulo Ribeiro solicitando prioridade aos pedidos de Gilmar Santos por ordem direta de Bolsonaro.

Já o Estado de São Paulo denunciou o funcionamento de um “gabinete paralelo” no MEC, comandado pelos dois pastores. O jornal ainda revelou que o MEC teria o evento patrocinado que distribuía bíblias com uma foto do ministro – prefeitos dizem que os pastores condicionaram a compra dos livros à presença do ministro em.

Se deixar o MEC, Ribeiro será o quinto ministro da Educação do governador Bolsonaro.


Saiba mais

+ Ômicron: Sintoma inesperado da emergência em crianças preocupações médicas
+ Vendedores do Mercadão de SP ameaçam clientes com golpe da fruta
+ Vídeo: Mãe é atacada nas redes sociais ao usar roupa justa para levar filho à escola
+ Horóscopo: confira uma previsão de hoje para seu signo
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ ‘Ictiossauro-monstro’ é descoberto na Colômbia
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Verificar o resultado
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identificação lula gigante responsável por naufrágio de navio 2011
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua


LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here