Sete micos que todo mundo já pagou na Internet nos anos 2000 | Internet

0
57

Os anos 2000 foram uma época que ficou marcada pelo início da comunicação via Internet, especialmente entre os adolescentes. No entanto, algumas práticas comuns naquele tempo são motivos de vergonha quando relembradas nos dias atuais, como o hábito de falar o idioma “miguxês” no MSNa prática de “brigar” pelo topo dos depoimentos do Orkut e use e-mails vergonhosos, do tipo “rodrigo_sarado@hotmail.com”.

Entre os hábitos que eram bastante comuns nos anos 2000 e soam constrangedores atualmente estão entrando e saindo algumas vezes do MSNchamar atenção de alguém por engano durante uma conversa ou usar filtros de gosto duvidoso nas fotos do Fotolog. Para relembrar algumas práticas vergonhosas da época, o TechTudo listou sete micos que todo mundo já pagou na Internet dos anos 2000.

Lista apresenta sete micos que todo mundo cometeu na Internet — Foto: Barbara Mannara/TechTudo

1. Brigar pelo topo dos depoimentos de seus amigos no Orkut

O Orkut permitia que os usuários assembléias públicas para amigos, através de histórias elaboradas ou destacando a importância daquela pessoa na sua vida. Esses pequenos textos que eram de destaque nos perfis, para que os visitantes pudessem ver o quanto aquele indivíduo era querido e popular.

A questão é que os depoimentos eram exibidos em ordem cronológica de recebimento e aprovação. Ou seja, os textos mais recentes não aparecem no topo da tela e, consequentemente, eram os mais lidos pelos visitantes, sendo considerados os mais importantes. Por isso, ocorria uma “briga” virtual entre os amigos do usuário para ver quem ficou no topo dos depoimentos do perfil.

Era comum brigar pelo topo dos depoimentos do Orkut para verificar — Foto: Reprodução/Orkut

“amigos da lista de objetivos de seu objetivo simples: os invejavam com seus depoimentos únicos”, com depoimentos de objetivo único: Assim que o recado fosse ultrapassado por outra declaração, comum voltar à página para escrever um novo texto, recuperando o prestígio no perfil em questão. Essa prova de testemunho criava uma disputa entre os, mas tornava-se a competição com amigos dos limites.

2. Chamar a atenção do contato sem querer não MSN

O MSN foi o mensageiro mais famoso dos anos 2000. Era por meio dele que as pessoas conversavam em chats particulares ou até em grupos. Um dos recursos mais marcantes do programa era o recurso de “chamar a atenção”, útil para cobrar respostas de amigos que demoravam para responder. Ao clicar no botão, o software tremia a tela e emitia um som característico que ficou famoso na época.

Uma janela tremer para chamar a atenção de outro usuário era uma ferramenta bastante utilizada — Foto: Divulgação/MSN

Acontece que o botão era localizado na mesma barra de ferramentas onde eram acionados os emoticons (os precursores dos emojis). Sendo assim, o botão apertar de chamar a constranged era comum, ou clima conversa. No entanto, parte dos contatos entendia quando se sabe grande de um engano.

3. Criar um e-mail que te envergonha até hoje

Os anos 2000 foram uma época na qual as pessoas começaram a se comunicar pela Internet. Naquele tempo, não existiam tantas redes sociais, e um dos meios mais comuns para a troca de mensagens eram os e-mails. No entanto, a falta de maturidade e envolvimento com o mundo digital fazia com que os jovens criassem extremamente vergonhosos.

A utilização de adjetivos no endereço de e-mail era uma das características mais marcantes. Sendo assim, era muito comum encontrar pessoas com e-mails do tipo “maria_hta@hotmail.com”, “rodrigo_sarado22@ig.com.br” ou “ana.lindinha.miguxa@hotmail.com”.

A parte dos usuários ainda não tinha distinção profissional entre um e-mail pessoal, e não tinha o costume de criar perfis diferentes para essas atividades. Isso fez com que as pessoas resolvessem que apresentassem esses contatos constrangedores em currículos, entrevistas de emprego ou encontros amorosos.

4. Aplicar filtros de gosto duvidoso nas fotos

Quando não existia o Instagramos usuários dos anos 2000 utilizavam as plataformas como Fotolog e Flogão para publicar suas fotos. Mas as imagens capturadas por câmeras do tipo Cybershot Não são suficientes para algumas pessoas, que reconhecem os programas de edição para aplicar os efeitos e os efeitos que hoje são considerados de gosto duvidoso. Na época, porém, eles tiveram sucesso.

Efeito Cut Out feito no Gimp era aplicado pelos usuários para personalizar imagens — Foto: Reprodução/Raquel Freire

Um dos efeitos mais comuns era o Cpara fora, que colore apenas um objeto da foto, mantendo o plano de fundo em preto e branco. Os usuários também costumavam deixar apenas o próprio corpo colorido na foto, para criar um efeito de destaque. Outra prática famosa era o efeito porcelana, que boneca. a pele com aparência de Entre os programas de edição mais famosos da época estão o Photoscape eo Gimp.

5. Criar uma comunidade no Orkut e ‘flopar’

Como comunidades Faz Orkut grupos que se reúnem pessoas com um interesse comum para apenas assuntos que foram informados, novidades ou indivíduos que comentam sobre o mesmo assunto. Pode-se dizer que elas são uma versão antiga dos grupos existentes não o Facebook. Algumas comunidades muito famosas, como “Eu Odeio Acordar Cedo”, terão comunidades a reunir milhões de membros.

Comunidade “Eu odeio acordar cedo” era uma das mais famosas do Orkut — Foto: Reprodução/Orkut

Para tentar ficar famoso na rede social, os usuários criaram comunidades sobre variados temas. Porém, o muitas vezes não. Assim, era comum encontrar “flopados”, com 10, 15 ou 20 membros, sem grupos ou discussões.

6. Ficar e saindo do MSN para chamar a atenção do crush

Ao fazer login não MSNtodos os contatos do usuário eram notificados com um Aparecer no canto direito da tela do computador, informando que ele estava online. Mas algumas pessoas se aproveitam desse recurso para chamar a atenção propositalmente. Para, entravam e isso saíam repetidas vezes do programa, fazendo com que a tela dos amigos fosse inundada com.

Ficar anos comuns e saindo do MSN para chamar atenção era uma prática nos 2000 — Foto: Reprodução/Garotas Geeks

Em alguns casos, esse excesso de alertas irrita os amigos e uma mensagem de que aquela pessoa só queria se exibir. Muitas vezes, o grande aspecto de notificações na tela até o computador dos contatos, o que acrescenta um aspecto negativo ainda maior à prática.

O miguxês era um “idioma” muito famoso entre os adolescentes da época e bastante utilizado nos depoimentos e scraps do Orkutassim como nas conversas e nicks do MSN. Oriundo – uma forma “miguxo” – uma forma “miguxo” – dia chamar os amigos na época – dia tinha como características principais como palavras escrever letras e minúsculas.

Outras práticas comuns eram determinadas letras por “x”, dando um sotaque “fofo” às palavras, e acrescentando “h” ao final dos termos, acrescentando frases como “XiM, eRah VerGoNhoSoh”. O miguxês ainda via ainda o exagero de emoticons criados com uso de caracteres apropriados. Era bastante comum ver frases semelhantes a carinhas como “^^”, “*.*” , “*o*”, “¬¬” e “*_*”.

Veja também: Motorola V3: relembre o celular de sucesso dos anos 2000

Motorola V3: relembre o celular de sucesso dos anos 2000

Motorola V3: relembre o celular de sucesso dos anos 2000

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here