Roger Machado fala sobre os altos e baixos do Grêmio

0
34

[ad_1]

Logo depois do sétimo jogo no comando técnico do Grêmio, Roger Machado justificou em entrevista coletiva a falta de regularidade da equipe. Foram 3 vitórias, 1 empate e 3 derrotas. O desempenho conta ainda com uma eliminação para o Mirassol, na primeira fase da Copa do Brasil. A Série B do Campeonato Brasileiro começa no dia 9 de abril, uma semana após a segunda partida da grande final do Campeonato Gaúcho. O tricolor encara a Ponte Preta, em Campinas, na primeira rodada da Série B.

Roger Machado diz que o time ainda não está pronto

O que parecia ter sido um divisor de águas com a atuação do Grêmio no GreNal 436, vencido na casa do rival por 3 a 0, caiu por terra na noite de ontem (23). A espera pelo adversário e o futebol reativo pararam no povoado meio campo do Inter, que assim como no GreNal 435, atacou o Grêmio na maior parte do tempo. Restou o comprometimento tático da equipe na marcação, que com exceção de Thiago Santos, foi muito competente. O ímpeto gremista em buscar o gol não foi uma prioridade, talvez por estar jogando com a larga vantagem obtida na primeira partida. 

A regularidade necessária para conquistar o acesso de volta à elite do futebol brasileiro depende de todos os jogadores do elenco e comissão técnica. Jogar à espera do adversário não promete êxito nas 38 rodadas.

“Claro que buscamos corrigir (as oscilações), mas o time não está pronto ainda. Vai crescer e vamos buscar outras alternativas. Para o momento, o que valem são dois jogos de 90 minutos. Oscilar evidente que preocupa, vamos encontrar as razões disso ter acontecido”, disse o técnico Roger Machado.

Enfim, gostou da notícia?

Então, se inscreva no YouTube e nos siga em nossas redes sociais como o TikTok, Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Imagem: Lucas Uebel/ Grêmio



[ad_2]

Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here