Mundo terá relativamente longo de menos crescimento e mais período, diz Campos Neto

0
33

BRASÍLIA (Reuters) Ucrânia – O mundo após a guerra na terá um período relativamente de menos crescimento e mais inflação, disse nesta quarta-feira o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, destacando a polarização pós-conflito redesenha as cadeias e pode criar oportunidades para o Brasil.

“O movimento de cadeias globalizadas de valor significativo para o menos longo e mais inflação”, disse

Seminário do Tribunal de Contas da União (TCU) sobre regras fiscais, Campos Neto disse que essa mudança de panorama pode gerar choques para o Brasil, como nenhum mercado positivo de minerais e na oferta de alimentos, se houver disponibilidade de fertilizantes.

Na apresentação, ele afirmou que o pico da inflação acumulada em 12 meses no Brasil deve ocorrer em abril e manter a previsão para o próximo apresentado em fevereiro, quando o pico ocorrer em fevereiro, quando o pico ocorrer em fevereiro.

(Por Bernardo Caram)

O posto Mundo terá relativamente longo de menos crescimento e mais período, diz Campos Neto apareceu primeiro em ISTOÉ DINHEIRO.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here