Ibovespa (IBOV) tem outro pregão positivo após ata do Copom; índice sobe mais de 0,8% – Money Times

0
39

Mercados, Ibovespa, B3
Ibovespa: empresas de varejo e tecnologia têm sessão positiva; commodities caem (Imagem: Divulgação/B3)

O Ibovespa (IBOV) encerrou mais um pregão com bom patamar de valorização, com ata divulgada pelo mercado Banco Central (BC) nesta terça-feira (22).

O índice fechou em alta de 0,87%, a 117.160 pontos, de acordo com dados preliminares.

Desta vez, como empresas de varejo e tecnologia a sustentar o tom positivo do dia. O Inter (BIDI11), que havia caído mais de 8% na sessão passada, marcou uma das principais altas do índice hoje.

Como commodities, que foram protagonistas da ponta positiva ontem, apresentaram como maiores quedas. Como ações da Vale (VALE3), pressionadas pelo recuo do minério de ferronão fecharam a trajetória de datação e data de referência2,27%.

Ata do Copom

A última reunião pela manhã ata reunião Comitê de Política Monetária (Copom), que resultou na instalação da taxa básica de jurosuma Selicpara o patamar atual, de 11,75%.

De acordo com o documento, as autoridades decidiram optar por adotar uma trajetória de juros “mais pares” em meio aos desdobramentos da guerra na Ucrânia.

Com o choque de aperto está preparado ainda mais a inflação, o Copom que para ajustar a quantidade de aperto de aperto, se necessário.

Sinalização das mais agressivas, o BC Previsão de aumento percentual na Selic em maio.

Na terra do tio Sam, o presidente do Reserva Federal (Fed), Jerome Powellfez um discurso ontem em conferência da National Association for Business Economics, sinalizando que o centro norte-americano deve agir “rapidamente” no combate à inflação, com a implementação de aumentos de juros acima do normal, caso a medida se mostre necessária .

A última reunião do Fed marcou o início do ciclo de alta dos juros nos EUA. Na ocasião, como autoridades elevam um táxon percentual em 0,25 ponto, para 0,25-0,5%.

Nesta terça, o presidente do presidente de St. Louis, James Bullard, defendeu que a instituição precisa “agir agressivamente” para manter a inflação sobriamente. Bullard acredita que o banco central-americano deve aumentar o ritmo e elevar os juros do país acima de 3% em 2022.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here