Exército russo sequestrou quatro jornalistas em Melitopol, diz agência

0
69

O Exército Russo teria sequestrado um grupo de quatro jornalistas na cidade de Melitopol, que está sobre o domínio das tropas da Rússia no momento.

As informações foram divulgadas nesta agência de notícias Interfax segunda-feira (21/3). A Rússia não comentou o caso.

0

“Hoje, homens armados chegaram à casa dos jornalistas da MV-Hing e os levaram em uma antiga desconhecida”, afirmou o sindicato dos jornalistas do país, conforme agências internacionais.

Mykhailo Kumok, editor; Yevhenia Borian, editora de produção; Yulia Olkhovska e Liubov Chaika, repórteres; cuidarem sob o poder dos militares russos.

Impactos da guerra

O ministro da Defesa, Oleskii Rezcraniano, balanço da destruição que ocorreu a guerra, apresentou no país desde o início do conflito, em 24 de fevereiro.

Nesta segunda-feira, Reznikov afirmou que o Exército Russo destruiu 400 escolas e 110 hospitais. A guerra chegou ao 26º dia.

Além disso, mais de 150 crianças europeias durante o conflito no Leste. “Eles estão cometendo um ato real de genocídio na Ucrânia”, frisou.

Durante o mesmo evento, o ministro da Defesa britânica, Ben Wallace, defendeu a Ucrânia e pediu para que o presidente russo, Vladimir Putinadmitisse estar errado e deixasse o país.

Negociações estagnadas

A pazgnação das partes para um acordo no Leste Europeu esta continuação de fim da guerra. Nesta segunda-feira, o governador russo voltou a reclamar da falta de entendimento.

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, em entrevista a agências internacionais de notícias em uma teleconferência, que não houve progresso nas conversas com o governo ucraniano.

Além disso, descartou uma reunião possível entre o presidente russo, Vladimir Putin, e o mandatário ucraniano, Volodymyr Zelenskiy.

A Rússia acusa a Ucrânia de paralisar como conversas de paz, fazendo propostas inaceitáveis. A Ucrânia disse que está disposta a negociar, mas não se renderá nem aceitará ultimatos russos.

“Para que falar de uma reunião entre os dois presidentes, é preciso fazer o dever de casa. As conversas têm que ser realizadas e seus resultados têm que ser acordados”, disse Peskov. E emendou: “Não houve nenhum progresso significativo até agora”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here