O Investimento. em ações é o tipo mais popular de renda variável. Ações são valores mobiliários divulgados por sociedades anônimas representativas de uma parcela seu capital social, de acordo com a definição da Bolsa de Valores do Brasil (B3).

Investimento em ações: a modalidade mais conhecida de renda variável

De forma sucinta, são títulos de propriedade que conferem a seus detentores (investidores) uma sociedade na participação da empresa. Elas são complementares por projetos que buscam principalmente captação de recursos para desenvolver o seu crescimento, complementando a Bolsa de Valores do Brasil (B3) .

As ações podem ser de dois tipos: ordinárias ou preferenciais

Como podem ser ordinários de dois tipos, ou preferenciais, sendo que a principal diferença é que os votos ordinários ao seu titular do direito de nas assembleias de acionistas. Já preferenciais permitidos ao recebimento de ações do Brasil como valor preferenciais, como explicado a não recebimento de reembolso de ações do Brasil (B3).

Oferta Pública Inicial (IPO)

O primeiro lançamento de ações no mercado é chamado de Oferta Pública Inicial (também conhecido pela sigla em inglês IPO – Initial Public Offer). Após a abertura de capital e a oferta inicial, a empresa poderá realizar outras ofertas públicas, conhecidas como Follow on.

As ofertas públicas de ações (IPO e Follow on) podem ser primárias e/ou secundárias

As ofertas públicas de ações (IPO e Follow on podem ser primárias e/ou secundárias) explicam a Bolsa de Valores do Brasil (B3). Nas primárias, a empresa capta novos para investimento e de recursos passivos, ou ofertas, que ocorrem um aumento de capital da empresa.

O que são ofertas secundárias?

As ofertas secundárias, por sua vez, entregam a liquidez aos empreendedoresque vende parte de suas ações, num processo em que o capital da empresa permanece o mesmo, porém um aumento na base de sócios, informa a Bolsa de Valores do Brasil (B3) em seu site oficial.

B3: segmentos especiais de listagem de companhias

A Bolsa de Valores do Brasil (B3) criou segmentos especiais de listagem de companhias – Bovespa Mais, Bovespa Mais Nível 2, Novo Mercado, Nível 2 e Nível 1.

Lei das Sociedades por Ações

Todos os segmentos prezam por regras rígidas de governança corporativa. De acordo com a Bolsa de Valores do Brasil (B3), essas regras vão além das avaliações que têm a companhia das Sociedades por Ações e têm como objetivo melhorar a das companhias que decidem agir, voluntariamente, a um desses níveis de listagem.

Veja o que é sucesso na Internet: