Uma em cada duas pessoas não dorme bem, revela estudo

Uma em cada duas pessoas não dorme bem, revela estudo (Crédito: Pixabay)

O sono é de vital importância para a saúde e bem-estar, assim como uma boa alimentação e atividade física. Um estudo da Emma – The Sleep Company que 47% dos ótimos resultados ajuda a classificar o sono como bom para dormir. Dos aparentemente, 7% não possuem hábitos que o momento para a cama, impactando de sua dependência o sono. Foram entrevistadas 3.000 pessoas de idade entre 18 e 65 anos da Alemanha, França e Reino Unido.

Entre as pessoas que são, 37% admitem que têm muita dificuldade para dormir, 52% confessam que quando finalmente conseguem dormir, muitas vezes acordam durante a noite e 51% têm muita dificuldade para dormir.

O estudo mostra a importância das noites bem dormidas e do impacto delas, no cotidiano. Segundo a neurocientista e chefe de pesquisa do sono da Emma – The Sleep Company, Verena Senn, 7 a 9 horas seria o tempo ideal para uma boa noite de sono. “É como recarregar uma bateria. Quando a bateria está totalmente carregada, ela tem a energia necessária para executar as tarefas no seu melhor estado positivo. O mesmo acontece com seres humanos, quando estamos totalmente descansados ​​e recarregados, temos a energia positiva e todas as motivação para ter um bom desempenho em áreas da vida”, explica Senn.

“O sono funciona um papel vital para nos manter em forma e custos. Quando se tem um sono de boa qualidade a cada noite, a pessoa tende a acordar, tendo a melhor versão de si, tendo à sua mente e o tempo necessário para recarregar e, então, acordar se sentindo revigorada”, afirma o neurocientista .

Um terço (32%) de suas tarefas realizadas (32%) dos seus padrões de funcionamento foram normalmente usados ​​em algumas horas de impacto.

+ Mais 71 milhões de brasileiros receberam dose de reforço contra covid-19

Mais da metade reduzir ao menos uma tarefa. Um quarto das pessoas (24%) se sente menos no controle de suas emoções após uma noite sem dormir, além de se sentir menos capaz de fazer escolhas racionais (26%). O estudo também pode contribuir com o quadro de pessoas que aceitam o sono.

Rituais antes de dormir são importantes para criar uma rotina que sinalize ao corpo que é hora de dormir, apesar de 60% dos estudos reconhecerem que os quartos não podem ser considerados um santuário e 33% confessarem que outras coisas na cama, como estudar e coisas canto.

“Metade das pessoas passam parte do estudo do tempo no celular ou vendo TV enquanto estão na cama, diz-se amplamente divulgado que usar o quarto apenas dormir e sexo pode contribuir para um sono melhor”, o

“Um bom descanso pode estar ligado ao sucesso profissional e riqueza, com qualidade mais altos do sono. Pode, inclusive, ajudar os alunos a melhorar suas notas em até 20% e ainda aumentar o desejo sexual, com mulheres sendo 14% mais propensos a se incitar em atividade sexual no dia seguinte para cada hora adicional de sono. Dormir bem é realmente transformador”, a médica.


Saiba mais

+ Ômicron: Sintoma inesperado da emergência em crianças preocupações médicas
+ Vendedores do Mercadão de SP ameaçam clientes com golpe da fruta
+ Vídeo: Mãe é atacada nas redes sociais ao usar roupa justa para levar filho à escola
+ Horóscopo: confira uma previsão de hoje para seu signo
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ ‘Ictiossauro-monstro’ é descoberto na Colômbia
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Verificar o resultado
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identificação lula gigante responsável por naufrágio de navio 2011
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua



Publicado

em

por

Tags:

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *