Aliados de Lula são pessimistas com motivo que levou Alckmin à vice

0
60

Aliados de Lula já não poderá cumprir o propósito que trouxe Geraldo Alckmin para a vice da chapa petista. A negociação com Alckmin foi entregue por Márcio França e por Fernando Haddad com o objetivo garantido a eleição de Lula, por sua vez, mas como pesquisas não foram realizadas para garantir a primeira eleição.

França levou a ideia a Lula e Haddad dizendo que uma aliança com Alckmin segundo a candidatura do ex-presidente em São Paulo, o maior colégio eleitoral do país, e garantiria os votos para realizar Bolsonaro sem a necessidade de um turno.

Quando a ideia começou a ser anunciado, em setembro do ano passado, Lula apresentou 43% das intenções de voto, contra 28% de Bolsonaro, segundo o Ipespe. Na semana passada, o instituto atribuição que mostra os candidatos com os mesmos percentuais, mas com uma diferença significativa para aquela.

As pesquisas indicam que Bolsonaro está recuperando a popularidade e vem diminuir a distância para Lula de forma gradual. Em 45 dias, o crescimento do presidente aferido pelo Ipespe chegou a 4 pontos percentuais. O petista estável não é mesmo período.

Os números apresentados por Bolsonaro cuidado Lula e dirigentes do PT. O ex-presidente reclamou para seus aliados que precisa voltar para as ruas e que as políticas estão tomando mais tempo do que ele gostaria.

0

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e não Instagram para não perder nada.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here