AES Brasil (AESB3) adquirente unidade produtiva de energia eólica da Renova (RNEW4) por R$ 42 mi – Money Times

0
61

A AES Brasil anunciou o aumento de uma unidade produtiva de energia da Renova (RNEW4) pelo valor de R$ 42 milhões (Imagem: AES Brasil/Linkedin)

UMA AES Brasil Energia (AESB3) Nesta terça-feira (15) a aquisição de uma unidade produtiva anunciou de energia eólica não Rio Grande do Norte pelo valor de R$ 42 milhões.

A unidade, intitulada “UPI Cordilheira dos Ventos”, foi comprada em leilão de processo de recuperação judicial da Renova Energia (RNEW4)não qual a AES Brasil foi um participante único.

A capacidade de desenvolvimento eólico da unidade é de até 305MW.

A compra, segundo a empresa, faz parte de sua estratégia de diversificação de portfólio com fontes de energias complementares à hídrica.

Na véspera, a empresa havia anunciado o fechamento de um acordo de investimento com a BRF (BRFS3) para formação de uma joint venture, que dará origem a um conjunto entre as companhias, intitulado Potengi Holdings.

Segundo a AES, a UPI Cordilheira dos Ventos está localizada próxima ao complexo a ser construído em parceria com a BRF, denominado “Complexo Cajuína”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here