Anatel transforma receptores de TV piratas em computadores para escolas | Eletrônicos

0
42

Segundo o texto, o projeto que apreende e transforma produtos piratas se chama “Além do Horizonte”, e é idealizado pela Receita Federal de Minas Gerais em parceria com a Universidade Federal de Lavras (UFLA). Ele tem como objetivos principais a sustentabilidade e a criação de meios para o ensino de robótica nas escolas, além do desenvolvimento de plataformas de reabilitação e triagem no SUS.

No caso da apreensão de TV Box, por exemplo, a Anatel participa com “apoio técnico”, para ajudar a identificar os aparelhos que não são homologados pelo órgão. Depois do processo de conversão, o minicomputador resultante passa por homologação própria, e já do contando para uma escola pública — e já do contato com uma escola pública — acessórios também apreendidos teclado e um mouse, acessórios também apreendidos teclado e um mouse, acessórios também apreendidos teclado e uma RFB.

Neste projeto, além da Anatel e da RFB, a Agência Nacional do Cinema (Ancine) também participa na identificação dos receptores não homologados para apreensão.

Vale mencionar que outras instituições estudantisMG (país também) , além do Instituto Federal do Triângulo Mineiro e do Instituto Federal do Norte de Minas Gerais.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here