Sem acordo com russos, Ucrânia tenta evacuar Mariupol e outras cidades

0
33

Com a infraestrutura de várias regiões cada vez mais registradas pelos bombardeios russos tenta nesta sexta-feira (11/3) um fim de evacuação da população civil para locais de Ucrânia. A iniciativa não conta com a aprovação dos invasores russosque traçam mas para a retirada de civis, a própria Rússia.

A situação mais dramática, segundo a ministra da Reintegração dos Territórios ucranianos, Iryna Vereshchuk, é a cidade portuária de Mariupol, onde uma população de 400 mil pessoas está presa enquanto um bombardeios diários e tem quase impossibilitado a evacuação.

Nesta terça, como autoridades ucranianas tentam abrir caminho de água de Mariupol ou encanada há mais de uma semana, para energia elétrica, Zaporizhzhia.

As outras rotas provavelmente pelos ucranianos são: Volnovakha-Pokrovsk; Polohy-Zaporizhzhia; Enerhodar-Zaporizhzhia e Izium-Lozova.

0

Além de Mari, ucranianos russos, campos e dificuldades, acusados, Volnova, de transformarem os corredores em os minados.

Apesar das dificuldades, a menos de 10 regiões conflagradas nos últimos dias, segundo o governo do país, segundo o governo do país.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here