‘A decisão é de cada posto’, diz presidente do sindicato do aumento dos preços – Money Times

0
40

comerciável
(Imagem: Nazanin Tabatabaee/WANA (Agência de Notícias da Ásia Ocidental) via REUTERS)

José Alberto Gouveia, presidente do Sincopetro (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do Estado de São Paulo), diz o anúncio de reajuste do preço dos combustíveis anunciado pela Petrobrás (PETR4) ontem foi “um susto” para os donos dos postos de comerciável.

“Foi um susto, tanto quanto foi para o consumidor. Ninguém esperava que fosse esse valor, que foi muito alto. A gente realmente foi pego de surpresa. Não pelo aumento, porque todo muito sabia que ia ter, mas pelo valor”, disse ao Tempos de dinheiro.

Os aumentos começaram a valer nesta sexta-feira (11) e, por isso, na noite de ontem, os carros correram para os postos para encher o tanque enquanto o preço ainda não reajustado. Segundo Gouveia, o movimento quase dobrou.

O Procon-SP chegou a emitir um comunicado orientando os consumidores a denunciarem os postos de preços antes da hora reajustados.

UMA Petrobrás anunciou ontem o aumento nos preços do diesel em cerca de 25% em suas e da gasolina em quase 19%, na dos ganhos nas cotações do refinaria petróleo no mercado internacional em função da guerra na Ucrânia.

Repasse dos postos

UMA Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) semanalmente os preços dos alimentos no país. Os dados consolidados após o reajuste devem sair entre o final de semana e segunda-feira (14).

Ainda assim, já é possível ter uma ideia de quanto as alturas vão além do bolso do consumidor. Durante esta sexta-feira (11), “R$ 8,00” estava nos Trending Topics do Twitterentre os preços mais falados, uma referência ao novo valor do litro da gasolina.

Nem os postos da agência vão, necessariamente, o valor de alta procura para informar os valores da bomba local, o valor para isso, os valores da bomba, para local. Gouveia diz que a alta é de R$ 0,45 na gasolina e de R$ 0,81 sem diesel.

“É uma decisão independente de cada posto, o sindicato não tem um posicionamento sobre isso, cada um resolve a sua vida. A gasolina subiu R$ 0,45 e o diesel subiu R$ 0,81. Isso é o número que ele [dono do posto] tem”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here