No conflito, busca por palavras-chaves forma um “glossário de guerra”

0
65

[ad_1]

O conflito no leste europeu, com geração de imagens quase em tempo real, suscitou uma corrida de quem acompanha a invasão russa à Ucrânia por expressões e palavras que formam um verdadeiro “glossário de guerra“.

Nos portais de conteúdo online, há as palavras-chaves preferidas, ou mais acessadas. No topo desse ranking estão o nome do presidente Vladimir Putin e do almejado “cessar-fogo”.

Levantamento da editora digital 7Graus, uma empresa tecnológica portuguesa, mostra quais palavras dominam os sites de busca. Foi exponencial o crescimento por pesquisas desses termos e nomes de personagens envolvidos no conflito. Foi despertada a curiosidade sobre história e geopolítica.

No “Dicio”, dicionário online de português dos mais acessados no Brasil, as palavras mais impactadas foram “cessar-fogo” (crescimento de mais de 6.000%), “oligarca” (busca 45 vezes maior que o período anterior ao conflito) e “lei marcial” (aumento de 2006%). Estão no topo do ranking.

Até “fertilizante” – produto dos mais produzidos pela Rússia e que gera dependência de vários países, como o Brasil – ganhou um fôlego, com 184% de crescimento na frequência de buscas. Na enciclopédia online Significados, a procura por “fertilizante” foi seis vezes maior.

Os protagonistas desse conflito também ganharam muita evidência. Putin foi o mais “buscado”. O acesso a seu nomes cresceu 28 vezes nesse período, desde que invadiu a Ucrânia. O presidente da Ucrânia, Volodomyr Zelensky, pouco mencionado antes, dobrou o volume de buscas no eBiografias. Até mesmo o antigo primeiro-ministro e controverso Josef Stalin foi parar nas redes sociais. O interesse pelo velho comunista cresceu 283%.

Outros termos diversos foram procurados pelos curiosos da guerra, como “Guerra Fria” (1.117%) e “Oligarquia (“2.483%).

“Chama atenção a percepção de que, em geral, as pessoas ainda associam a Rússia atual à União Soviética. A procura por conteúdos sobre comunismo, Guerra Fria e URSS dão a pista nessa direção”, analisa Paulo Stenzel, o responsável pelo marketing da empresa 7Graus, criadora dos portais.

Abaixo, como esses termos aparecem em cada portal de buscas. Os cinco mais acessados de cada um.

Dicio – o dicionário online de português mais consultado do Brasil:
Cessar-Fogo – 6220%, Oligarca – 4584%, Lei-Marcial – 2006%, Antagonista – 2184%, Dissuasão – 1473%,

eBiografia – ebiografia.com – site dedicado a apresentar a vida e a obra de personalidades brasileiras e internacionais:
Vladimir Putin – 2829%, Joe Biden – 914%, Emmanuel Macron – 365%,  Stalin – 283% e Volodymyr Zelensky – 200%

Toda Matéria – todamateria.com.br – site que ajuda alunos e professores com conteúdos escolares.
Ucrânia – 3.000%, Rússia – 2700%, Bomba Atômica – 1309%, Chernobyl – 1456% e Usina Nuclear – 1105%

 

[ad_2]

Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here