Segurança da usina de Zaporizhzhya está intacta, diz agência atômica

0
52

A usina nuclear de Zaporizhzhya, na Ucrânia, é a maior da Europa e foi tomada pelas tropas russas na madrugada de sexta-feira (4/3). Porém, de acordo com a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), a segurança técnica do local está intacta e o nível de radiação permanece dentro da normalidade.

Dos reatores existentes, dois estão funcionando em grande capacidade de produção. O centro de treinamento da instalação sofreu graves danos com o ataque russo, assim como o laboratório e uma unidade administrativa.

Já em Chernobylsob controle da Rússia na semana passada, como informações da AIEA são de que os trabalhadores, como técnicos e desde guardam, não podem trocar de turno desde 23 de fevereiro.

“Os sistemas de segurança das outras três usinas nucleares da Ucrânia estão operando e o regulador contínuo a receber dados de monitoramento on-line sobre os níveis de radiação nos locais, que também trabalham como trajes”, explica o comunicado.

O diretor-geral Rafael Mariano Grossi afirmou, contudo, que a situação em Zaporizhzhya continua tensa, sem possibilidade de mudança de funcionários.

De acordo com ele, a equipe ucraniana que opera a central “certamente não pode durar muito tempo”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here