Governo da Rússia assina decreto que proíbe a venda de moeda estrangeira

0
48

O governo da Rússia anunciou nesta terça-feira (1º) um anúncio de um decreto que proíbe uma saída de moeda estrangeira no país, em meio a uma série de Sanções. impostas pelos países ocidentais que restringem o acesso russo às suas reservas internacionais.

A medida entra em vigor na quarta-feira (2) e é válida para valores acima de US$ 10 mil (ou equivalente a cerca de R$ 51,6 mil, na cotação atual), e engloba apenas recursos financeiros, ou seja, não impede a importação de produtos que tenham valor superior ao estabelecido pelo decreto.

Segundo o diretor do CNN Brasil NegóciosFernando Nakagawa, o é uma resposta do governo a uma medida de medidas para o Ocidente, como uma série de possibilidades de movimentação financeira de empresas e russos a partir do Ocidente exclusão do país no Swiftum sistema de pagamentos internacionais, e o congelamento das reservas internacionais do país.

“Desde então, o governo tem anunciado medidas para resistir a essa falta de capitais e impedir uma saída, fuga de capital do território russo. Ontem, o governo passou a obrigar exportadores a vender 80% dos recursos em moedas estrangeiras”, diz Nakagawa.

Ele avalia o novo decreto como “duro”, e deve atingir em especial como empresas russas. “Para uma empresa, movimentar apenas US$ 10 mil não quer dizer nada, é muito pouco. A depender dos detalhes, inviabilizaria que os afiliados de todos possam enviar lucros ou pagamento de royalties a sua sede em outro”.

O anúncio também ocorre em meio ao segundo dia de valorização do rublo frente a outras moedas, em especial o dólar. A moeda norte-americana valorizou 20% na segunda-feira (28), e já sobe mais de 10%, com 112 rublos valendo US$ 1. A bolsa de valores do país não abriu pelo segundo dia consecutivo.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here