S&P 500 VIX, o ‘índice do medo’, volta ao topo do risco, acima de 30 pontos – Money Times

0
43

Imagem de números e gráficos os quais representam ações na Bolsa de Valores
Índice que mede o risco futuro do mercado de ações nos EUA volta aos 30 pontos (Imagem: Pixabay)

Depois de um grau de acomodação dos temores sobre as ações mais negociadas do S&P 500na sexta-feira, os reflexos das ouvir contra a Rússia foram sentidos no mercado dos Estados Unidos e os negócios de opções sobre as funções dessa qualidade a ficar em ponto mais nervoso.

O S&P 500 VIX circula em 30 pontos a segunda e, nesta terça (1), às 12 horas (Brasília), estão em mais 6,10%, a 31,70 pontos.

30 pontos são considerados o limite máximo de volatilidade do mercado para os próximos 30 dias e quanto mais alto, maior ou risco.

Daí o apelido de ‘índice do medo’.

Sem dia Invenção da Ucrânia, 24, o VIX chegou a tocar o máximo de 37 pontos – o local equivalendo a abril de 2020, no auge do risco da pandemia, perdeu força e fechou em 30,32 pontos.

Ontem ao, sufoco público, público que está sendo imposto aos olhos russos, privados e também à exposição das companhias e fundos da Rússia, à exposição das companhias e fundos na Rússia, à exposição das companhias e fundos na Rússia, à exposição das companhias e fundos na Rússia.

Além, naturalmente, não há risco de expansão da guerra, que Vladimir Putin demonstra ceder.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here