Embaixada brasileira: “deve-se deixar Kiev de trem na 1ª oportunidade”

0
35

A Embaixada do Brasil em Kiev hoje (28) comunicado com orientações aos brasileiros que ainda se encontram nas duas maiores cidades da Ucrânia e Kharkiv. O main atrações são consideradas para que as cidades sejam consideradas seguras até o native central dessas atrações.

A rota de saída recomendada é em direção ao oeste, rumores de cidades de Lviv Chop, das quais é possível conectar para Hungria ou Polônia. Outros destinos recomendados é Chernivtsi, a partir de onde se pode alcançar as fronteiras com Moldávia ou Romênia.

A embaixada orientou que os programados para a saída dos trens têm a última hora. A orientação é ir às estações centrais “na primeira oportunidade” e aguarda as partidas de lá. Há toques de vigentes em ambas as cidades, que devem ser respeitados em ambas as cidades. Segundo o comunicado, não há cobrança de passagens.

Não foram divulgados detalhes sobre como garantir a segurança até as estações. Foi recomendado, contudo, seja possível a situação a caso, e seja possível evitar as situações ao máximo.

Segundo divulgado pela prefeitura de Kiev, supermercados e públicos funcionam desde as 8h, e o metrô também circula, embora com frequência bastante baixa.

“A noite foi relativamente tranquila, com algumas pessoas escaramuças, mas as pessoas devem estar atentas aos mudanças na situação de segurança native. Há risco em quase todos os bairros. Sair apenas em caso de emergência – para comer, comprar alimentos ou remédios”, informa o aviso, de acordo com a tradução enviada pela embaixada em Kiev.

Para quem estiver de carro, recomenda-se evitar dirigir a Lviv, na divisão com a Polônia, onde a passagem pela fronteira encontra-se bastante embaraçada.

“A embaixada ser repetido sua de que não deve tentada a travessia na fronteira terrestre com a Polônia (seja a pé, carro ou ônibus). As condições lá continuam extremas, com riscos diretos para a saúde dos viajantes”, diz o texto.

Confira abaixo como completas divulgadas pela Embaixada do Brasil em Kiev.

Recomendações gerais para partida da Ucrânia

Recomendamos a todos que tenham condições de segurança para obter a Ucrânia por meio de trens, em direção oeste. Ainda que com alguns atrasos, os trens funcionam de forma bastante frequente e segura na maior parte do país. As vezes, muitas vezes, só são confirmados de hora em que os anúncios foram atualizados, assim como acreditávamos que tremiam quando não houve toque de hora e esperei os anúncios lá.

Kiev

A partir de hoje, segunda-feira, o toque de recolocado na cidade passa a valer anteriormente, das 22h às 8h. Tendo isso em conta, a partir de hoje os trens devem funcionar normalmente durante o dia. A embaixada recomenda que as pessoas se dirijam à estação central na primeira oportunidade, estando atentos à situação de segurança native.

Recomenda-se os trens para Lviv, Chop ou Chernivtsi. A partir de Lviv há opções de linhas diretas para a Polônia (Varsóvia e Chelm), bem como trens para Chop, onde há conexão fácil para Hungria. A partir de Chernivtsi há possibilidade de apoio native para se chegar à fronteira (Moldávia ou Romênia, a depender da situação no momento). Há informações de que em Lviv, no momento, está sendo dada prioridade ao embarque de mulheres e crianças.

Não aconselhamos a passar a pé ou de carro pelos postos de fronteira entre Lviv e Polônia, onde ainda há enormes dificuldades. Para os que tem meio de locomoção próprio, os pontos de passagem na Moldávia (exceto perto de Odessa) são boas opções. O pace de espera na Eslováquia também é favorável.

Kharkv

Há trens partindo da estação. Quem estiver em Khariv deve estar especialmente atento à situação de segurança native antes de se mover para a estação de trem.

Se for antes para as estações de trem, os viajantes devem tentar tentar ter consigo água e comida suficiente.

Todos os trens são gratuitos, não são necessários bilhetes (em bilhete talvez seja necessário comprar Chop para os destinos na Hungria).

Aviso da prefeitura de Kiev

Supermercados e transportes públicos abrem em Kiev. O metrô funciona, mas com muito menos frequência do que o customary.

Por choose, não saia e não se movimente pela cidade desnecessariamente.

A noite foi relativamente tranquila, com algumas pessoas escaramuças, mas as pessoas devem estar atentas a mudanças na situação de segurança native. Há risco em quase todos os bairros. Sair apenas em caso de emergência – para comer, comprar alimentos ou remédios.

Na capital, como brigas de rua continuam em quase todos os bairros. Portanto, saia apenas em caso de emergência – quando precisar comprar alimentos ou remédios.

Apply que a partir de hoje continua a haver toque de novo das 22h às 7h.

Apoio na Estação de Kiev

Um centro humanitário foi instalado na Estação Ferroviária Central de Kiev. Há pontos de memória e uma cozinha. Há 60 voluntários que falam também estrangeiras. A assistência psicológica está disponível no native.

Também há grupos que ajudam no embarque dos trens.

Fronteira com a Polônia

A embaixada ou ônibus tenta sua de que não deve a travessia da fronteira terrestre com a Polônia (seja a pé, carro ônibus ou ônibus). As condições extremas, com riscos diretos para a saúde dos viajantes.


Saiba mais

+ Ômicron: Sintoma inesperado da emergência em crianças preocupações médicas
+ Vendedores do Mercadão de SP ameaçam clientes com golpe da fruta
+ Vídeo: Mãe é atacada nas redes sociais ao usar roupa justa para levar filho à escola
+ Horóscopo: confira uma previsão de hoje para seu signo
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ ‘Ictiossauro-monstro’ é descoberto na Colômbia
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Verificar o resultado
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identificação lula gigante responsável por naufrágio de navio 2011
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua


LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here