5G, metaverso e muitos celulares: saiba o que esperar da MWC 2022 | Celular

0
58

Um Congresso Mundial Móvel (MWC) 2022 acontecerá entre os dias 28 de fevereiro e 3 de março, em Barcelona, ​​na Espanha. Mesmo com o avanço da variante ômicron, o maior congresso de celulares do planeta manteve o encontro presencial, contando com a participação de gigantes do mercado. GooglePoco (subsidiária da Xiaomi), Samsung e Huawei são algumas das empresas que devem apresentar novidades.

É possível neste ano de dispositivos móveis os holofotes para a transição tecnologia 5G, além de temas como smartphones dobráveis, avanço da inteligência artificial, metaverso e internet das coisas. Confira abaixo o que esperar dos fabricantes durante os quatro dias de evento.

UMA Samsung deve fazer o anúncio do notebook Galaxy Book em uma apresentação que antecede o primeiro dia da feira. A empresa ao lado de um pacote animado em que é possível uma representação de dispositivos do lado do ambiente do ambiente.

Convite da Samsung para o Mobile World Congress 2022 — Foto: Reprodução/Samsung

O laptop se desdobra até ficar lado a lado com desenhos de um smartwatch, smartphones e tablet da linha. O lançamento será alterado nos canais oficiais da Samsung no Brasil neste domingo (27) a partir das 15h.

Vale dizer que não são esperados novos celulares, já que a empresa anunciou a linha do Galaxy S22 não começo do mês. Os produtos estão à venda no Brasil.

Google o sucessor do Pixel

Mesmo sem grandes detalhes sobre o que apresentará, o Google tem presença confirmada na MWC 2022. A expectativa é que a gigante da web novidades relacionadas à linha de traga smartphones Pixel. Recentemente, as imagens foram lançadas com sucesso para um aparelho visual muito parecido, sendo divulgadas como especulações sobre um aparelho atual.

Google Pixel 6 poderá substituir durante o evento — Foto:/Google

Eu de verdade e o carregador mais rápido do mundo

No início da semana, a Realme mistério ao dizer que lançou o carregador “mais rápido do mundo” em Barcelona. A companhia também deve lançar oficialmente no mercado europeu o Eu de verdade GT 2 Pro, primeiro smartphone com processador Snapdragon 8 geração 1. O celular tem, entre suas, uma tela AMOLED de especificações de 6,7 polegadas, RAM de 12 GB, 256 GB de armazenamento interno e bateria de 5.000 mAh.

Carregador da Realme — Foto: Divulgação/Realme

A Poco é uma subsidiária da XIaomi que confirmou que entregará aos entusiasmados da tecnologia o novo Poco X4 Pro 5G. Há rumores de que o dispositivo será uma versão do Redmi Note 11 Pro 5G, lançado em janeiro pela gigante chinesa. Quem também deve aparecer no congresso é o Poco M4 Pro 5G.

Poco M4 Pro 5G — Foto: Divulgação/Poco

Huawei o novo dobrável

Outra grande companhia chinesa que deve aparecer na MWC 2022 é um Huawei. A empresa confirmou a participação no evento e deve sediar sua conferência antes da própria agenda oficial. É que a marca mais não é apenas novos modelos de celular, mas também é possível sucessor para o provável do brável Mate X2, de 2021, e detalhes do sistema HarmonyOS.

Huawei Mate X2 — Foto: Divulgação/Huawei

Nos dois últimos anos pandemia, a Mobile World Congress de diversas dificuldades para ser realizada. Em 2020 chegou a versão facilitada, pelo novo coronavírus, além de ter sido realizada em junho de 2021.

Dessa forma, apesar de apresentarem suas novidades da versão pessoal do mundo, graças ao fato de apresentarem suas informações entre as empresas. Entre os que estão a desistiram da participação presencial Lenovo. A empresa decidiu concentrar-se nos eventos online.

Já a Sony, que não tinha sequer espaço reservado para o estande, também escreveu um comunicado negando a participação na feira, ainda que virtualmente. “À medida que o mundo mudou em relação às oportunidades digitais e online, um Sony Corporation se comunicará de outras maneiras de fornecer nossos produtos empolgantes novidades para um público mais amplo”, declara a empresa em nota.

UMA MWC é organizada pela associação de empresas de telecomunicações que atende pela sigla da GSMA. A entidade condenou a edição da Ucrânia e afirmou que não haverá pavilhão russo na ano. “UMA MWC é um evento de unidade ambiental o móvel para progredir nas formas e com a conectividade pode proteger as pessoas, unindo uma sociedade e a sociedade com prosperarem”, afirmou.

A disse ainda que a segurança do congresso é constantemente informações “à medida que surgindo”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here