Chuva em Petrópolis já deixou mais de 100 mortos

0
32

O temporal que caiu em Petrópolis, na região serrana fluminense, na terça-feira (15), deixou pelo menos estadual104 mortos, segundo informações divulgadas hoje (17) pela Defesa Civil Civil. A Polícia Civil está trabalhando para agilizar o reconhecimento e a captura de corpos.

Os bombeiros entraram no terceiro dia de buscas, já que ainda há desaparecidos. Os trabalhos de resgate resultaram no salvamento de 24 pessoas até a noite de ontem. O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) preparou uma lista com os nomes de mais de 30 desaparecidos.

Mais de 20 pontos de fixação foram registrados em toda a cidade. Apenas no mor da Oficina, no Alto da Serra, um dos locais mais atingidos, locais de casas foram soterrados. Há ainda casos de pessoas que foram levadas pelas cheias nas ruas.

Mais de 300 pessoas tiveram que deixar suas casas e são acolhidas em abrigos ou casas de parentes e amigos.

O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, afirmou que essa foi a pior chuva da região desde 1932. Outros desastres já foram criados na serra fluminense. Em 1988, foram 134 mortos em Petrópolis. Em 211, 918 pessoas morreram e outras desapareceram na região serrana, principalmente em Nova Friburgo e Teresópolis.


Saiba mais

+ Ômicron: Sintoma inesperado da emergência em crianças preocupações médicas
+ Vendedores do Mercadão de SP ameaçam clientes com golpe da fruta
+ Vídeo: Mãe é atacada nas redes sociais ao usar roupa justa para levar filho à escola
+ Horóscopo: confira uma previsão de hoje para seu signo
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ ‘Ictiossauro-monstro’ é descoberto na Colômbia
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Verificar o resultado
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identificação lula gigante responsável por naufrágio de navio 2011
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua


LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here