Vacinar grávidas diminui hospitalização de bebês por Covid em 61%

0
39

[ad_1]

A vacinação de gestantes com os imunizantes Pfizer e Moderna diminui em 61% as probabilities dos bebês serem hospitalizados por Covid-19, de acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), dos Estados Unidos.

Publicado na terça-feira (15/2), a pesquisa também indica que o momento no qual a gestante é vacinada influencia na eficácia da resposta imunológica dos bebês. A proteção foi de 32% para bebês que receberam o esquema completo de vacinas no início da gravidez e de 80% para aqueles cujas mães foram vacinadas no ultimate da gestação.

Ginecologista e autora da análise, Dana Meaney-Delman comentou durante entrevista coletiva que, dos bebês internados na UTI com Covid-19, 88% nasceram de mães que não foram vacinadas antes ou durante a gravidez.

Saiba como as vacinas contra Covid-19 atuam:

A vacinação contra Covid-19 durante a gravidez está associada à presença de anticorpos no leite e nos soros maternos do parto. Os pesquisadores acreditam que há transferência de anticorpos contra o coronavírus também por meio da placenta.

Metodologia

A pesquisa foi feita pela rede Overcoming Covid-19, em associação com o CDC, em 20 hospitais pediátricos dos Estados Unidos. O período de análise abrangeu de julho de 2021 a janeiro de 2022.

“A vacinação contra Covid-19 durante a gravidez é recomendada para prevenir doenças graves e morte em mulheres grávidas. Os bebês correm risco de complicações associadas à doença, incluindo insuficiência respiratória e outras complicações com risco de vida”, explica o estudo.

[ad_2]

Supply hyperlink

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here