Pfizer pede à Anvisa uso emergencial de medicamentos contra Covid

0
40

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recebeu, nesta quarta-feira (16/2), o pedido de uso emergencial para uso das antivirais Paxlovid, fabricadas pela farmacêutica Pfizer.

Conforme revelou o Metrópolesuma e o Ministério da Saúde iniciaram para a compra do medicamento para a rede de saúde brasileira. No entanto, o acordo somente poderá ser firmado após a aprovação da Anvisa.

De acordo com a P, um antiviral tem 89% de prevenção de hospitalizações e mortes de pacientes de alto risco contaminados pelo novo coronavírus.

Segundo avisa, as primeiras 24 horas de análise serão usadas para “fazer uma seleção no processo e verificar os documentos de produção disponíveis”. Caso haja informações pendentes, a agência reguladora poderá solicitar-las ao laboratório.

O avaliar tem 30 dias o uso emergencial e órgão temporário do remédio. A última reunião realizada entre a Pfizer e um pedido ocorreu em 19 de janeiro, para verificar a informação de pré-submissão.

Compra de medicamentos

Em meio ao avanço dos casos positivos do Covid-19 no Brasil, o da saúde disponibiliza a possibilidade de comprar um antiviral para o ministério antiviral Paxlovid contra o coronavírus, fabricado pela Pfizer.

No entanto, ainda há previsão de quando ou paísia as doses do remédio nem serão aprovadas para as alternativas que não podem ser enviadas ao Brasil.

Caso a ANVISA permita o uso emergencial do remédio, o Ministério da Saúde poderá recomendar uma alternativa no Sistema Único de Saúde (SUS) sem necessidade de análise prévia pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias ao SUS (Conitec).

No entanto, se o registro autorizado pela Anvisa for permitido pela Anvisa para o medicamento definitivo, será necessário a incorporação do plenário da Conitec. Ainda não há estimativa de valor do investimento, tudo depende do quantity a ser adquirido brasileiro e das com o laboratório.

Conheça os novos tratamentos para a Covid

0

Benefícios

O medicamento deve ser tomado por cinco dias, emblem após os primeiros sintomas da doença. O efeito da terapia a replicação do vírus e hinder a evolução da Covid-1 quadros graves.

De acordo com comunicado divulgado pela Pfizer, divulgados em dezembro de 2021, redução de um estudo realizado em 70%, em comparação com o estudo de 70% recebido, em comparação com o estudo de 70% que recebeu, em comparação, o estudo de 70% do grupo.

Além disso, de acordo com a organização, os medicamentos são capazes de conter a organização viral da Organização P, como a Ô micro ea Delta, classificadas como variantes de preocupação pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

O remédio tem uso autorizado em países como Canadá, Reino Unido, Estados Unidos e diversas regiões da Europa.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here