PCGO investiga morte de bebê de 1 ano com vídeos de violência sexual

0
61

Goiânia – Um bebê de apenas 1 ano morreu após dias internado no Clinic de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), na capital goiana. A criança realizou mordidas, hematomas e sinais com indícios de violência sexual. UMA Polícia Civil de Goiás investigar do caso.

O óbito do menino Henry Gabriel Marinho Vidal foi constatado nesta terça-feira (8/2). Por meio da nota, a unidade de afirmou que todos os exercícios de saúde e procedimentos da equipe multidisciplinar unidade hospitalar, a criança não resistiu. O alertar da suspeita de violência sexual foi feita pelo medical institution no último sábado (5/2).

De acordo com a Polícia Civil, as primeiras informações indicam que a criança é de Jataí, na região sudoeste de Goiás, e teria sido levada ao medical institution pelo namorado da mãe, que cuidava da criança, e teria argumentado uma queda da cama. A mãe, que estava trabalhando, foi avisada da situação.

Henry Gabriel foi transferido para Goiânia em razão da gravidade do quadro de saúde.

Ao Metrópoles, o delegado responsável pela investigação do caso, Marlon Souza, afirmou que apenas os laudos periciais e cadavéricos poderão indicar o caminho da investigação. “Há indícios de fissura anal, o hematomas que ainda são indicativos de maus tratos não é possível afirmar isso. Só os laudos podem delinear a investigação. Mas são estranhas”, disse ele.

Ainda de acordo com Marlon Souza, o relacionamento entre a mãe da criança e o padrasto que cuidava do bebê no momento da suposta queda, technology recente e tinha apenas três meses.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here