Um estudo feito pela empresa Sports activities Price, apontou quais os instances do futebol brasileiro, mais gastaram nos últimos anos. O Grêmio foi colocado em sexto lugar nesta lista, mostrando que investimento não faltou, para evitar o rebaixamento.

1. Flamengo – R$ 670 milhões

2. Palmeiras – R$ 660 milhões

3. Corinthians – R$ 462 milhões

4. São Paulo – R$ 332 milhões

5. Atlético-MG – R$ 330 milhões

6. Grêmio – R$ 310 milhões

7. Internacional – R$ 304 milhões

8. Santos – R$ 300 milhões

9. Athletico Paranaense – R$ 170 milhões

10. Fluminense – R$ 158 milhões

11. Bahia – R$ 135 milhões

12. Botafogo – R$ 121 milhões

13. Purple Bull Bragantino – R$ 112 milhões

14. Vasco – R$ 100 milhões

15. Ceará – R$ 77 milhões

16. Coritiba – R$ 68 milhões

17. Fortaleza – R$ 60 milhões

18. Goiás – R$ 59 milhões

19. Atlético-GO – R$ 48 milhões

20. Game – R$ 40 milhões

21. Ponte Preta – R$ 38 milhões

22. América-MG e Avaí – R$ 33 milhões

23. Cuiabá – R$ 22 milhões

24. Guarani – R$ 17 milhões

Grêmio perdeu valor absurdo com o rebaixamento

O rebaixamento do Grêmio, para a segunda divisão impactou diretamente no orçamento do clube. Por exemplo, em 2021, o tricolor teve cerca de R$ 500 milhões entrando nos cofres.

No entanto, em 2022, cerca de R$ 300 milhões devem entrar no cofre gremista. Essa redução no orçamento, fez com que fosse necessária uma série de mudanças no plantel.

Dessa forma, o clube reduziu de maneira significativa a sua folha salarial. O que deve garantir que o tricolor termine a temporada com superávit. Ou ao menos, não tenha um déficit muito elevado em 2022.

Enfim, gostou da notícia?

Então, se inscreva no YouTube e nos siga em nossas redes sociais como o TikTok, Twitter, o Instagram e o Fb. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.





Supply hyperlink