Aparecida (GO) alerta para importância da 3ª dose da vacina

0
68


Goiânia – Dados da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Aparecida de Goiânia, na região metropolitana da capital goiana, divulgados em meados de janeiro, apontam que cerca de 60 mil pessoas estão no prazo very best para receber a terceira dose (ou de reforço) da vacina contra a Covid-19, sendo que muitos já estão em atraso. Por isso, autoridades sanitárias locais alertam para a importância da população completar o esquema vacinal para evitar casos graves, internações em UTIs e mortes.

De acordo com o secretário de Saúde do município, Alessandro Magalhães, o esquema vacinal completo com três doses ou duas doses do imunizante da Janssen é indispensável, sobretudo para os idosos.

0

“Todavia, as pessoas de todas as idades precisam entender que, apesar de serem chamadas de ‘reforço’, essas doses não apenas reforçam a proteção imunológica já atingida com as anteriores, elas são fundamentais para impedir agravamentos que podem levar à morte. Com o avanço da vacinação temos constatado uma redução e estabilidade das taxas de internação hospitalar para tratamento da Covid-19 em Aparecida e não podemos deixar que essa tendência positiva seja ameaçada por uma cobertura vacinal insuficiente”, afirma ele.

Um levantamento da SMS do último dia 19/1 aponta que já foram aplicadas na cidade 862.791 doses de vacina contra a Covid-19; 87,3% da população com mais de 12 anos, estimada em 477.878 moradores, recebeu ao menos a 1ª dose; e 78,1% recebeu a segunda. Já em relação à terceira dose, 71.296 pessoas a tomaram, contabilizando 14,9% da população acima de 12 anos que recebeu a D3 ou “dose de reforço da Janssen”.

Proteção coletiva

“Nossos dados mostram que as internações e casos graves estão atingindo as pessoas com vacinas em atraso ou não vacinadas com mais força na população idosa, característica observada desde o início da pandemia. Mas agora contamos com as vacinas e muito sofrimento e mortes podem ser evitados. Não percam pace, completem seus esquemas vacinais e espalhem essa informação important para familiares, amigos e conhecidos. A saúde é também um bem coletivo que precisa ser defendido por toda a população”, enfatiza o secretário.

A coordenadora de Imunização da SMS, Renata Cordeiro, acrescenta que “os profissionais da nossa rede que estão tratando das pessoas internadas com Covid-19 confirmam que os pacientes vacinados têm uma possibilidade maior de cura e sucesso no tratamento e menor probability de agravamento. Isso é a vacinação salvando vidas. Temos 35 postos de imunização em Aparecida espalhados por toda a cidade para vacinar a população adulta sem necessidade de agendamento, então, se você está na hora de tomar qualquer uma das doses, não espere, vá o quanto antes, não corra riscos desnecessários”.

Como e onde se vacinar

Além da imunização infantil, em Aparecida qualquer morador acima de 12 anos pode receber a primeira dose da vacina em 35 postos que funcionam sem necessidade de agendamento. A D1 é aplicada mediante a apresentação de documento de identidade ou certidão de nascimento e Cartão SUS ou CPF. Menores de 18 anos precisam estar acompanhados de algum responsável.

Terceira dose: indispensável

Qualquer pessoa que tenha recebido a segunda dose dos imunizantes Coronavac, AstraZeneca ou Pfizer há quatro meses já pode receber a dose de reforço (terceira dose) mediante a apresentação de documento de identidade ou certidão de nascimento, CPF ou Cartão SUS e o Cartão de Vacinação. Quem recebeu a dose única da Janssen também pode receber o reforço no intervalo de dois meses.

Atualmente, a vacinação adulta está disponível em 35 postos: Central de Imunização; UBS Andrade Reis; UBS Bairro Cardoso; UBS Bairro Ilda; UBS Bairro Independência; UBS Bandeirantes; UBS Buriti Sereno; UBS Campos Elíseos; UBS Cândido de Queiroz; UBS Caraíbas; UBS Chácara São Pedro; UBS Colina AzuL; UBS Cruzeiro do Sul; UBS Expansul; UBS Jardim Bela Vista; UBS Jardim Boa Esperança; UBS Jardim dos Buritis; UBS Jardim dos Ipês; UBS Jardim Florença; UBS Jardim Olímpico; UBS Jardim Tiradentes; UBS Madre Germana; UBS Nova Olinda; UBS Papillon Park; UBS Parque Trindade; UBS Pontal Sul II; UBS Residencial Anhambi; UBS Residencial Garavelo Park; UBS Retiro do Bosque; UBS Riviera; UBS Rosa dos Ventos; UBS Santa Luzia; UBS Santo André; UBS Veiga Jardim; e UBS Vila Delfiori.

As vacinas pediátricas estão disponíveis em sete postos fixos: Central de Imunização e Unidades Básicas de Saúde (UBS´s) dos bairros Andrade Reis, Anhambi, Cardoso, Veiga Jardim, Retiro do Bosque e Jardim Olímpico. A Central funciona de segunda à sexta, das 8h às 18h, e aos sábados das 8h às 12h. Já a imunização nas UBSs ocorre de segunda à sexta-feira das 8h às 16h.



Supply hyperlink

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here