A Wormwhole, uma das plataformas mais populares que serve de ponte entre Ethereum (ETH), Solana (SOL) e outras blockchains, pode ter sido alvo de um hack no valor de mais de US$ 326 milhões, o equivalente a cerca de R$ 1,7 bilhão, na noite desta quarta-feira (2).

By means of Twitter, o projeto confirmou que a ponte está atualmente inativa enquanto a equipe investiga um possível ataque hacker. O website online oficial estampa a mensagem: “O portal está temporariamente indisponível”.

Analistas que trabalham com dados públicos de blockchains chamaram a atenção para uma transação de 80.000 ETH da Wormhole com destino a um endereço que atualmente conta com mais de US$ 250 milhões em ETH.

De acordo com outro desenvolvedor, o invasor também obteve o 40.000 ETH na Solana, rede onde atualmente tenta executar vendas aos poucos em troca de outros criptoativos.

Segundo o especialista em segurança da Paradigm conhecido pelo pseudônimo de “samczsun”, a equipe da Wormhole entrou em contato com o invasor por meio da rede Ethereum, e ofereceu uma recompensa de US$ 10 milhões em troca da devolução das criptomoedas.

As pontes entre blockchains geralmente funcionam pegando um ativo, como ETH, e bloqueando-o em um contrato para emitir um ativo paralelamente em outra rede. Um desses contratos, criado pela Wormwhole contendo milhares de ETH, teria sido esvaziado.

O incidente acendeu o alerta dos usuários de projetos de finanças descentralizadas (DeFi), já que todo o Ethereum que roda na rede Solana pode ter perdido seu lastro.

Ainda não se sabe quais podem ser as consequências do ataque para o mercado de empréstimos na Solana e em outras redes se a quantia em ETH emitida pela Wormhole não puder ser conectada de volta ao Ethereum e, portanto, tiver perdido completamente seu valor.

Em uma publicação no Reddit em janeiro, o cofundador da Ethereum, Vitalik Buterin, argumentou que as pontes não serão populares no futuro, devido em parte aos riscos do lastro de ativos transferidos para outras blockchains.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Meu argumento de por que o futuro será multi-cadeias, mas não será de cadeias cruzadas: há limites fundamentais para a segurança de pontes que atravessam múltiplas “zonas de soberania”, afirmou.

A CoinDesk entrou em contato com os desenvolvedores da Wormhole com pedido de comentários e atualizará o texto com a resposta.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receba a E-newsletter de criptoativos do InfoMoney



Supply hyperlink

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here