Índices dos EUA sobem após balanços; Opep+, decisão do Copom, indústria no Brasil e mais assuntos que agitarão o mercado hoje

0
63


As bolsas mundiais iniciam a sessão desta quarta-feira (2) em alta, tendo como destaque para a temporada de resultados em Wall Side road. O Nasdaq Futuro avança cerca de 1,5%, após o resultado da Alphabet, controladora do Google, que superou as estimativas, levando a ação a subir por volta de 10% no after marketplace.

Atenção ainda para os dados de criação de empregos privados nos EUA divulgados pelo ADP durante a manhã, que antecede a divulgação do Relatório de Emprego de janeiro na próxima sexta-feira.

Destaque também para a reunião para a Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados (Opep+), que se reúne hoje para definir a produção de março. A expectativa é que seja ratificado o aumento de 400 mil barris por dia. Uma pesquisa conduzida pela Bloomberg mostrou que o aumento de produção em janeiro foi de apenas 50 mil barris por dia, abaixo da meta de 400 mil. A Líbia, por exemplo, está sofrendo com conflitos internos, e produziu 140 mil barris por dia menos do que em dezembro.

Já no Brasil, teve início a temporada de resultados, com os números do Santander Brasil (SANB11) e Indústrias Romi (ROMI3). Depois do fechamento, serão revelados os dados da Cielo (CIEL3).

O radar econômico conta com a divulgação dos números de produção commercial de dezembro.

Mas o foco dos investidores ficará com a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) a partir das 18h30. A expectativa de consenso no mercado é de nova alta de 1,50 ponto porcentual, com a Selic devendo voltar aos dois dígitos, patamar que abandonou em julho de 2017, e registrando a maior taxa desde maio daquele ano (11,25%), ao chegar a ten,75%.

No âmbito político, o ano legislativo é aberto na tarde de hoje ainda com foco na proposta do governo para baratear o preço de combustíveis – Paulo Guedes, ministro da Economia, reforçou ontem a ideia de um “corte moderado de imposto” apenas sobre o diesel. Jair Bolsonaro participa de cerimônia de abertura do ano legislativo às 16h.

Confira os destaques da sessão:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

1. Bolsas mundiais

EUA

Os índices futuros americanos avançam nesta quarta-feira (2) pela manhã.

Na terça-feira, o Dow avançou mais de 270 pontos, impulsionado por um ganho de 4,1% da Boeing; o S&P teve ganho de 0,7%; e o Nasdaq, de 0,75%.

Os principais índices iniciaram fevereiro avançando após um mês de janeiro turbulento por conta da pressão inflacionária e sinalização do Federal Reserve de que deverá elevar a taxa de juros. Alguns membros do banco central americano, no entanto, indicaram em pronunciamentos que não desejam que as altas de juros perturbem os mercados financeiros, e que poucos dentre eles veem espaço para uma alta de 0,5 ponto percentual.

Os papéis da Alphabet (controladora do Google) avançaram cerca de 9% no after-market após a empresa divulgar resultados trimestrais com receita e lucro líquido acima do esperado. A companhia também anunciou planos de dividir cada ação em 20. Assim, acionistas donos de um dos papéis ganharão outros 19.

Os papéis do PayPal, por outro lado, perderam quase 18% no pós marketplace após a empresa divulgar projeção (“steering” em inglês) abaixo do esperado. Além disso, as ações da Complicated Micro Units avançam por conta de resultados fortes, enquanto que os da Starbucks recuam.

Até o momento, mais de 36% das empresas componentes do S&P 500 divulgaram seus resultados, dentre as quais mais de 78% superaram as estimativas de mercado. Nesta quarta-feira, divulgam seus resultados Meta Platforms (dono de Fb, Instagram e WhatsApp), Qualcomm, AbbVie, D.R. Horton e T-Cell.

Às 10h15 o ADP divulga dados de empregos (“payroll”) no setor privado relativos a janeiro. Economistas ouvidos pela Dow Jones esperam que 200 mil vagas tenham sido criadas em janeiro, frente a 807 mil em dezembro.

Dow Jones Futuro (EUA), +0,15%
S&P 500 Futuro (EUA), +0,82%
Nasdaq Futuro (EUA), +1,57%

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ásia

Na Ásia, os mercados da China Continental, de Hong Kong, de Singapura e da Coreia do Sul permaneceram fechados na quarta-feira por conta do feriado do Ano Novo Lunar. As bolsas remanescentes tiveram em sua maioria altas.

Shanghai SE (China), não abriu
Nikkei (Japão), +1,68% (fechado)
Dangle Seng Index (Hong Kong), +1,07% (fechado)
Kospi (Coreia do Sul), não abriu

Europa

Na Europa, o índice Stoxx 600, que reúne as ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 países europeus, avança, com destaque positivo para o setor de tecnologia e negativo para o de petróleo e gás. Entre as empresas europeias que divulgam seus resultados nesta quarta-feira estão Santander, Novartis, Vodafone e Glencore.

Entre os indicadores econômicos, o Índice Preço ao Consumidor de janeiro ficou em 5,1% na base de comparação anual, acima das projeções de mercado, que indicavam queda da inflação de 12 meses de 5% para 4,4%, segundo analistas ouvidos pela agência internacional de notícias Reuters.

FTSE 100 (Reino Unido), +0,78%
DAX (Alemanha), +0,51%
CAC 40 (França), +0,55%
FTSE MIB (Itália), +0,94%

Commodities

Os preços do petróleo avançam, ainda influenciados pela tensão geopolítica no Leste Europeu. Estima-se que a Rússia tenha 100 mil soldados mobilizados na fronteira da Ucrânia, no que vem sendo apontado por líderes de países ocidentais como um preparativo para uma invasão.

Em uma coletiva de imprensa na terça-feira, o presidente russo Vladimir Putin fez seus primeiros comentários públicos sobre a crise. Ele acusou os Estados Unidos de ignorarem propostas de segurança da Rússia, e se disse insatisfeito com a resposta americana às exigências de que a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) remova tropas e infraestrutura da Europa oriental e concorde em nunca aceitar a Ucrânia na aliança. Pelo tratado, um ataque a um dos membros é considerado um ataque a todos.

Na terça-feira, a Exxon Mobil, que é a maior empresa de petróleo dos Estados Unidos, divulgou resultados fortes impulsionados pela alta do preço do petróleo, com receita bruta de US$ 84,9 bilhões no último trimestre de 2021, e receita líquida de US$ 6,8 bilhões. No ano, a empresa teve receita líquida de US$ 23 bilhões, frente a prejuízo de US$ 22,4 bilhões em 2020.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Petróleo WTI, +0,32%, a US$ 88,47 o barril
Petróleo Brent, +0,28%, a US$ 89,41 o barril
A bolsa de Dalian não abriu na segunda-feira

Bitcoin

Os preços do Bitcoin recuam 1,39%, a US$ 38.443,17

2. Schedule

Reunião da Organização dos Países Exportadores de Petróleo e seus aliados (Opep+)

Estados Unidos

10h15: ADP divulga dados sobre empregos privados em janeiro, com expectativa de adição de 207 mil vagas
12h30: Power Data Management (EIA) divulga seus estoques de petróleo na semana, com expectativa de adição de 1,833 milhão de barris

Brasil

9h: Produção commercial em janeiro, com expectativa de alta de 1,6% na comparação mensal e queda de 6% na comparação anual
14h30: Fluxo cambial semanal
18h30: Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central divulga seu comunicado, com expectativa de que a taxa de juros Selic fique em 10,75%

Inflação

Às 5h foi divulgada a inflação no município de São Paulo em janeiro, medida pelo IPC-Fipe, que marcou alta de 0,74% frente ao mês imediatamente anterior, acima do avanço de 0,57% de dezembro

3. Corte de IPI

Reportagem da Folha de S. Paulo afirma que o governo discute a possibilidade de realizar um corte linear em alíquotas do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) como forma de pressionar governadores a aceitarem uma mudança na cobrança do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) dos combustíveis.

Segundo técnicos ouvidos pelo jornal, a redução no IPI pode custar R$ 20 bilhões em arrecadação federal e R$ 20 bilhões na arrecadação de estados e municípios. De acordo com membros do governo, estão em estudo cenários com corte de 10% a 50% nas alíquotas do IPI. Cigarros e bebidas continuariam com a tributação mais elevada, enquanto que produtos da linha branca ou automóveis teriam a carga reduzida.

Reportagem de bastidores publicada na véspera pelo jornal Valor Econômico afirma que o governo vem discutindo a redução a 0 do IPI, exceto para cigarros e bebidas.

Em evento digital do Credit score Suisse, o ministro da Economia Paulo Guedes foi questionado na terça-feira sobre o tema, assim como sobre a proposta de emenda à Constituição (PEC) dos Combustíveis. Ele afirmou: “Estamos estudando isso [redução de impostos] com muita moderação, quais impostos poderiam ser moderadamente reduzidos (…) Sempre foi parte do nosso programa que aumentos de arrecadação seriam transformados em simplificação ou redução de impostos”.

Combustíveis

Ainda no evento do Credit score Suisse, Paulo Guedes afirmou que há possibilidade de avançar na redução de impostos que incidem sobre o diesel, mas questionou a eventual extensão do benefício à gasolina. O governo vem elaborando uma PEC que permitiria reduzir tributos sobre combustíveis sem exigência de compensação.

“Pode ser que sobre diesel possa avançar um pouco mais, mas sobre gasolina? Afinal de contas, se nós estamos em transição para uma economia verde, se estamos em transição justamente para a OCDE, para economia virtual, será que devíamos estar subsidiando gasolina?”, afirmou.

Após se reunir com Guedes na segunda-feira, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmou que a PEC deverá focar apenas em óleo diesel, e que a possibilidade de um fundo de estabilização de preços havia sido descartada.

Gastos com juros da dívida pública

Na terça-feira, o secretário especial do Tesouro e Orçamento do Ministério da Economia, Esteves Colnago, afirmou que a alta de gastos com juros da dívida pública é uma preocupação para o governo neste ano, em meio a um cenário de inflação alta que pressiona essa despesa.

Colnago falou no mesmo evento do Credit score Suisse do qual participou Paulo Guedes. Ele afirmou que a perspectiva de gastos maiores é uma das razões pelas quais o governo vem enfatizando a necessidade de venda de ativos e devolução de recursos emprestados anteriormente a bancos públicos.

4. Queda de novos casos de Covid na média móvel

Na terça-feira (1º), foram registrados 171.028 novos casos de Covid no Brasil. A média móvel em sete dias foi de 184.437, alta de 84% em relação ao patamar de 14 dias antes, segundo informações do consórcio de veículos de imprensa divulgadas às 20h.

O número ficou abaixo do dia anterior, interrompendo uma sequência de recordes consecutivos que chegou a 14. Rio de Janeiro e Amazonas registraram quedas de casos entre os dias 23 e 29 de janeiro. Os números ficaram estáveis em Acre, Goiás e Rio Grande do Sul, enquanto outros 22 estados registraram aumentos.

Em um dia, o Brasil registrou 767 mortes por Covid. Assim, a média móvel de mortes em 7 dias ficou em 604, alta de 181% em comparação com o patamar de 14 dias antes.

O número de pessoas que tomaram ao menos a primeira dose de vacinas atingiu 165.297.376, ou 76,94% da população. A segunda dose ou vacina de dose única foi aplicada em 144.930.662, ou 69,65% da população. E a dose de reforço foi aplicada em 46.161.151, ou 21,49% da população.

Oito estados e DF com mais de 80% de ocupação de UTI

Levantamento publicado pela Folha de S. Paulo afirma que oito estados e o Distrito Federal têm ocupação de leitos de UTI para pacientes com Covid acima de 80%. No Mato Grosso do Sul, a ocupação é de 103% dos leitos, e em Goiás, de 90%.

Diretor da Saúde apoiou empresa que não entregou produtos

Reportagem publicada nesta quarta-feira pelo portal UOL afirma que, antes de entrar no Ministério da Saúde, o atual diretor do Departamento de Logística da pasta, basic da reserva Ridauto Lúcio Fernandes, apoiou a Biogeoenergy. Trata-se de uma empresa de soluções tecnológicas suspeita de irregularidades na venda de ventiladores pulmonares.

Ridauto ingressou na pasta da Saúde em janeiro de 2021, na gestão do basic Eduardo Pazuello, como assessor do departamento que passou a comandar em julho. Segundo o website, um dos objetivos da Biogeoenergy generation obter incentivos e vender os ventiladores ao governo federal na pandemia. A empresa foi apoiada pelo basic em 2020, menos de 15 dias antes de ser alvo da Operação Ragnarok, coordenada pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia para investigar uma possível fraude na venda de 300 ventiladores pulmonares ao Consórcio Nordeste, por cerca de R$ 48,7 milhões. Os ventiladores nunca chegaram a ser produzidos ou entregues aos estados nordestinos.

5. Radar corporativo

Santander Brasil (SANB11)

O Santander Brasil reportou lucro líquido gerencial de R$ 3,880 bilhões no 4to trimestre de 2021 (4T21). O resultado representa uma redução de 10,6% em relação ao terceiro trimestre de 2021 e ficou abaixo do consenso Refinitiv, de R$ 4,309 bilhões.

Em 2021, o lucro líquido do banco atingiu a cifra de R$ 16,347 bilhões, aumento de 7% na comparação com 2020.

O banco aprovou o pagamento de R$ 1,3 bilhão em dividendos intercalares, correspondentes a R$ 0,16595317205 por ação ordinária (ON), R$ 0,18254848926 por ação preferencial (PN) e R$ 0,34850166131 por unit.

Também aprovou a distribuição de Juros sobre o Capital Próprio (JCP), no montante bruto de R$ 1,7 bilhão, equivalentes a R$ 0,21701568653 por papel ON, R$ 0,23871725519 por PN e R$ 0,45573294172 por unit.

Os proventos aprovados serão pagos a partir do dia 4 de março de 2022.

BRF (BRFS3)

A BRF, dona da Sadia e Perdigão, movimentou R$ 5,4 bilhões em uma oferta subsequente (follow-on) de ações ontem (1), em operação voltada apenas para grandes investidores. A ação saiu a R$ 20, um desconto de 7,5% em relação ao fechamento de ontem na B3.

Petrobras (PETR3;PETR4

A Petrobras (PETR4;PETR3) informou que recebeu hoje (01) da Equinor o valor de US$ 475 milhões, equivalente à metade da terceira parcela referente à venda de sua participação no bloco exploratório BM-S-8,onde está localizado o campo de Bacalhau.

O valor remanescente de US$ 475 milhões será pago no dia 10 fevereiro de 2022. Esse  recebimento estava condicionado à aprovação do Acordo de Individualização da Produção (AIP) dos campos de Bacalhau e Norte de Bacalhau pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Herbal e Biocombustíveis (ANP), ocorrida no dia 09 de dezembro do ano passado.

A Petrobras realizou a venda do overall de sua participação (equivalente  a  66%) no bloco BM-S-08 para a  Equinor, pelo valor de US$  2,5 bilhões.

No fechamento da operação, a estatal recebeu US$ 1,25 bilhão e, na assinatura do contrato de partilha do bloco Norte de Bacalhau, recebeu US$ 0,3 bilhão, totalizando US$ 1,55 bilhão.

Vale (VALE3)  

A Vale (VALE3) informou nesta terça-feira (01) que sua subsidiária Vale Canada Restricted (VCL) concluiu a venda e transferência de sua participação de 50% na California Metal Industries (CSI) para a Nucor.

De acordo com os termos divulgados em 13 de dezembro de 2021, a VCL recebeu US$ 436,7 milhões em dinheiro, dos quais US$ 400 milhões referentes a 50% do valor do negócio e o restante referente à dívida líquida ajustada e ao capital de giro na conclusão da transação.

Em janeiro, conforme desempenho financeiro do 2º semestre de 2021, a VCL também recebeu da CSI US$ 65 milhões em dividendos, associados à sua participação de 50% no ativo.

A CSI foi criada em 1984 através da subsidiária da Vale no Canadá, a Vale Canada Restricted, em uma three way partnership com a japonesa Kawasaki Metal Company, hoje parte da JFE Holdings – esta possui a participação restante na CSI.

Por fim, a mineradora diz que a transação reforça a disciplina de capital da empresa, com foco em seus negócios core e compromisso com um portfólio mais enxuto.

Boa Vista Serviços (BOAS3)

A Boa Vista Serviços (BOAS3) aprovou o pagamento de juros sobre capital próprio, no  montante bruto de R$ 35,1 milhões, resultando em um valor bruto por ação de R$ 0,06613415526.

Os beneficiários do pagamento dos juros sobre o capital próprio serão os acionistas detentores de ações de emissão da companhia com base na posição acionária do dia 22 de  dezembro de 2021 (file  date), sendo as ações negociadas ex-juros a partir do dia 23 de dezembro de 2021. 

O pagamento correspondente aos juros sobre capital próprio será efetuado em 14 de abril de 2022.

Indústrias Romi (ROMI3)

A Indústrias Romi registrou lucro líquido de R$ 54,7 milhões no 4to trimestre de 2021, queda de 36,6% igual período de 2020.

No acumulado do ano passado, o lucro líquido subiu 16,8% em relação à 2020, para R$ 204,1 milhões.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) somou R$ 85,1 milhões no 4T21, 19,8% awesome ao Ebitda de R$ 71,1 milhões no mesmo período de 2020.

A companhia também aprovou o pagamento de dividendos intermediários, no valor de R$ 0,10 por ação, totalizando R$ 7,3 milhões.

O provento será pago em 23 de março. A partir de 08 de fevereiro, as ações da companhia serão negociadas “ex-dividendos”.

3R Petroleum (RRRP3)

A 3R Petroleum (RRRP3) confirmou a venda de 22,7 milhões de ações ordinária da empresa pela Starboard Asset, o que representa cerca de 11,25% do capital social da companhia.

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

 



Supply hyperlink

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here