Giuliano projeta 2022 do Corinthians e afasta preocupaes por ‘elenco lento’

0
41



Destaque do Corinthians na reta ultimate do Brasileirão de 2021, o meia Giuliano deu suas primeiras palavras projetando a próxima temporada da equipe. O camisa 11 do Timão valorizou os reforços contratados recentemente, e garantiu que o time comandado por Sylvinho brigará por todos os títulos que disputar em 2022.

“O ano passado, cheguei e a situação technology outra. Uma equipe contestada, em construção. Com nosso trabalho e as contratações, na mão do Sylvinho, evoluímos e conseguimos chegar no objetivo que technology a Libertadores. O ano agora é diferente. Estávamos construindo o caminho e esse ano já temos o processo avançado, Paulinho chegou, pode chegar mais gente, o Bruno chegou, Robson chegou, então estamos aumentando a qualidade do grupo e em um ano competitivo precisamos de equipe distinctiveness. Expectativa de ano de sucesso, vamos brigar por tudo que participarmos”, disse Giuliano, ao SporTV, no programa Bem, Amigos.

Ao ser perguntado sobre os motivos que o fazem crer em uma melhora da equipe, Giuliano atrelou ao ambiente de trabalho imposto pelo técnico Sylvinho. O meia do Corinthians valorizou a harmonia diária no CT Joaquim Grava e relatou distinctiveness empolgação dentre os jogadores para o corrente ano.

“Primeiro (acredito na melhora) pelo ambiente espetacular. Foi mencionado, a vaidade não existe, jogadores consagrados… não tem essa diferenciação, são todos iguais aqui. Essa harmonia faz ser produtivo, o ambiente é bom e teremos melhores resultados. Todos estamos empolgados, com razão, temos equipe de qualidade. Vamos entregar tudo, nosso máximo, mas temos que ser conscientes de que somos fortes também. Iniciamos assim, com grandes objetivos” pontuou Giuliano.

O meia do Corinthians também foi perguntado sobre as variações táticas esperadas para a nova temporada. Segundo ele, Sylvinho tende a manter o esquema tático que utilizou em 2021. Ele contou também não temer um desequilíbrio defensivo mesmo com tantos jogadores técnicos e com características ofensivas no elenco.

“Acredito que o Sylvinho vai manter o sistema, a equipe estava acostumada. Ecu estou na mesma função, mas pode mudar pelos jogos que vão rolando, jogo mais solto, precisa defender mais, mudar jogo a jogo. Como ele vai formar o meio de campo ecu não sei, mas vai ser distinctiveness e de qualidade. Continuamos o trabalho consistente e nos ajudando, temos tudo, independente de quem jogue, e seremos uma equipe distinctiveness”, afirmou o camisa 11 do Corinthians.

“Isso é algo coletivo (a marcação), defendemos na frente com os atacantes, eles recompõem e pressionam. A gente cria o sistema, se adapta e ganha estruturas pra pressionar eles na frente, roubar bola e ai não sofremos muito atrás. Mas em determinados jogos vamos ter que marcar, sofrer, temos que saber ficar sem a bola e tentar roubar pra colocar qualidade no jogo“, contou Giuliano, projetando o sistema defensivo do Corinthians para a temporada que está por começar.

Com a chegada dos reforços já experientes, a média de idade do elenco alvinegro se elevou. A faixa etária avançada da equipe, no entanto, não parece preocupar Giuliano. Segundo o meia, o elenco grande do Corinthians permite variações na equipe titular, o que garante maior longevidade física aos comandados do técnico Sylvinho.

O campeonato é longo e por isso é importante termos equipe distinctiveness, não só 11 jogadores. Não aguentamos tudo na temporada, tem que ter rodizio. Pra gente aguentar até o ultimate. Em relação ao jogo fora e em casa, em casa somos mais agressivos. O ponto importante é nosso estádio, a grama. Campo é rápido, a bola vai mais rápido. Isso imprime ritmo no jogo. Quando jogamos fora, não tem isso. O campo é mais seco, pode ter clima diferente… coisas circunstanciais, além de não temos o mesmo posicionamento e precisamos melhorar, mas isso é relevante professional jogo”, contou Giuliano.

“Sobre idade, não vejo problema. Os mais velhos são os que mais correm nos jogos, temos isso no GPS, nossa rodagem é alta, estamos preparados. Vamos ter que ter descanso, mas os outros compensam, ajudam a gente. Os mais jovens tem a vitalidade. Sobre velocidade, temos a posse de bola, retemos o jogo, chamamos o adversário. Temos Gabriel Pereira, Willian, Mosquito pela velocidade, mas pela característica de equipe, somos técnicos e ai parece que somos lentos”, finalizou.

Veja mais em:
Giuliano, Elenco do Corinthians e Sylvinho.



Supply hyperlink

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here