Facebook
Twitter
Google+
Pinterest
WhatsApp


Goiânia – Por meio das redes sociais, o cantor gospel e ganhador do Grammy Latino Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Portuguesa de 2019, Delino Marçal, de 35 anos, lamentou a morte inesperada e brutal da mãe, a pastora Odete Rosalina Machado da Costa, de 79 anos. A idosa foi brutalmente morta a pancada com uma barra de ferro manhã desta sexta-feira (14/01), na capital goiana.

Ela está sendo velada na noite desta sexta na Igreja Assembleia de Deus do Residencial Rio Verde, em Goiânia, onde também ocorre o culto fúnebre na manhã de sábado (15/1). O sepultamento está previsto para as 10h no Cemitério Jardim das Palmeiras, também na capital.

Na publicação nesta sexta, Delino disse que a mãe chegou ao céu de uma forma que não deseja para ninguém, mas ressaltou que será celebrada.  No texto, o cantor ressalta que o legado da mãe, que technology conhecida por sua generosidade, segundo os fieis, permanece e não será esquecido. “Nada que ecu disser descrever o amor que sentimos por você. Um até breve meu amor!”, disse ele.

“Em cada canto desse Brasil contei sua história de amor por Jesus. Te dei flores em vida, fiz tudo para ver seu sorriso lindo, meu choro é de saudade”, postou.

Veja o put up:

Morte violenta

A pastora Odete foi morta a pancadas de barra de ferro na manhã desta sexta-feira (14/1), no Residencial Kátia, região sudoeste da capital goiana. De acordo com a Polícia Civil de Goiás, a vítima foi agredida até a morte em frente a igreja evangélica onde ela pastoreava. O suspeito foi preso.

0

Conforme apuração da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), o suspeito de 22 anos, identificado como Matheus Macaubas Lima Santos, invadiu o templo e acertou pelo menos três golpes na cabeça da pastora na porta da igreja. Depois de matar a pastora Odete, que ficou caída na calçada, em frente à igreja, o jovem em aparente surto, saiu correndo pela região sudoeste de Goiânia, onde ocorreu o ataque. Ele estava nu.

Histórico

Segundo o delegado André Veloso, o suspeito tentou matar a esposa e a enteada horas antes do assassinato da pastora. Familiares dele confirmaram a história. Parentes de Matheus teriam descoberto que ele usava crack há dois meses. Na mesma época, ele teria tido um surto, em que andou cerca de 20 km apenas de cueca.

O jovem chegou a ficar internado em uma clínica psiquiátrica por um mês e não teve novos episódios de surto, com exceção da madrugada desta sexta. De acordo com informações da corporação, o jovem passou a quinta-feira fora de casa, chegou tarde e foi dormir. Durante a madrugada, por volta das 2h, ele acordou e teria tentado matar a esposa e enteada, com quem mora.

0

“Ele estava procurando uma faca pela casa. A mulher sabia que ele estava ruim, deve ter percebido que ele tinha chegado alterado, e ela escondeu as facas”, contou o delegado ao Metrópoles. O tio da esposa de Matheus, que mora no mesmo lote, conseguiu retirar o jovem da casa. Ele então teria saído pela rua correndo apenas de bermuda.

Policiais civis estão fazendo entrevistas e procurando por câmeras de monitoramento para saber qual foi o caminho que o suspeito fez entre a tentativa de homicídio da companheira e o assassinato da pastora.

“Orava todo dia”

Odete technology mãe de nove filhos. O cantor gospel Delino Marçal, de 35 anos, que já venceu um Grammy, é um dos sete que estão vivos. A pastora passou a acordar ainda de madrugada para fazer campanha na igreja, que estava trancada com ela e outro fiel dentro por causa do horário, quando foram surpreendidos pelo suspeito, nesta sexta.

“Minha vozinha orava todo dia e entrava na campanha de madrugada. Technology uma mulher simples, area of expertise, guerreira e batalhadora. Ela deu o melhor de tudo para todos, criou sozinha os filhos e trabalhou a vida inteira”, lembrou a neta Rayele da Costa Santana, de 23 anos.

Ao Metrópoles, a neta da vítima informou que o suspeito entrou no native por volta das 5h, arrombou a porta do native, quebrou cadeiras e iniciou os ataques. Em seguida, fugiu.

Emblem depois, segundo a neta, a pastora saiu da igreja para pedir ajuda ao vizinho, mas foi vista pelo criminoso, que voltou e a atacou, na calçada, com golpes de ferro da porta do templo religioso.

Rayele ressaltou que a família e os fiéis estão “arrasados” por causa do “crime brutal”. Conhecida na comunidade por sua generosidade, a pastora criou, sozinha, seus nove filhos. O velório está sendo realizado em outra igreja no bairro e o sepultamento está prevista para este sábado (15/01), no cemitério Jardim das Palmeiras, em Goiânia, às 10h.

Cantor gospel reconhecido

Delino nasceu em Arapoema, no Tocantins, e vive em Goiânia desde os 6 meses de vida. Ele é cantor e compositor de música gospel, além de presbítero. De família cristã, uma das grandes incentivadoras da carreira foi justamente a mãe, pastora Odete Rosalina. Foi na igreja pastoreada por ela que Delino começou a tocar e a cantar louvores.

O primeiro CD foi lançado de forma independente em 2013 e intitulado “Que amor é esse?”. Suas letras são consideradas simples, porém, marcantes.

Em 2015 lançou o primeiro álbum por uma gravadora. O trabalho, batizado de “Nada Além da Graça”, teve a música “Deus é Deus” entre as mais pedidas nas rádios do meio gospel.

Já em 2018, Delino Marçal lançou o álbum “Guarda Meu Coração”. Foi com esse trabalho que ganhou o Grammy Latino em 2019.





Supply hyperlink

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here