Com o avanço da variante Ômicron e o aumento nos casos de Covid-19 no mundo inteiro, vários países estão tornando a vacina obrigatória para alguns grupos. Pelo menos 36 nações já optaram por dar um passo além da exigência do passaporte sanitário para evitar a necessidade de novos lockdowns.

Alguns locais, como a França, Croácia, Canadá, Estados Unidos, Panamá, Grécia, Hungria, Itália, Letônia, Polônia, Reino Unido, República Tcheca, Rússia, Turquia, Ucrânia, Egito, Gana, Tunísia, Arábia Saudita, Cazaquistão, China, Filipinas, Líbano, Malásia, Omã, Austrália, Fiji e Nova Zelândia exigem a vacinação apenas para alguns grupos específicos, como funcionários públicos ou de empresas grandes, profissionais de saúde ou pacientes com comorbidade.

Outros países decretaram a obrigatoriedade para todos os adultos com mais de 18 anos. São eles: Áustria, Equador, Costa Rica, Indonésia, Micronésia, Turcomenistão e Tadjiquistão. A Alemanha estuda fazer o mesmo a partir de fevereiro, mas ainda não bateu o martelo sobre o assunto.

0

Na maioria dos locais, quem não tomar a vacina não conseguirá entrar em vários locais públicos e até no próprio ambiente de trabalho. Há também a possibilidade de multa — na Áustria, a partir do próximo mês, as pessoas que se recusarem a receber o imunizante podem ter que pagar até 3.600 euros a cada três meses.



Supply hyperlink

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here