Facebook
Twitter
Google+
Pinterest
WhatsApp


Rio de Janeiro – Indignada após flagrar um vizinho agir com homofobia contra seu filho, que brincava em uma quadra de esportes, a rapper Fernanda Medrado contra-atacou em uma reside em sua página no Instagram e chamou a polícia para obrigar o homem a pedir desculpas para a criança.

Segundo a rapper, o vizinho gritou da janela dizendo que o menino precisava mudar a “voz de mariquinha” e o chamou de “viado“. Ao flagrar a situação, Medrado gritou de volta e exigindo que ele pedisse desculpas para a criança, mas o homem se escondeu dentro do apartamento e não apareceu mais. Foi quando ela chamou a polícia.

“Se faz isso  com uma criança, que nem  e  tende ainda o que é isso, imagina o que faz por aí com seu preconceito. Não generation só na presença da polícia que ia descer? Vai pedir desculpas professional meu filho, sim”, escreveu ela com uma foto das viaturas e dos policiais.

“Ecu vi lá da minha janela esse pau no cu chamar meu filho de mariquinha. Tá? Ecu quero ver mexer com meu filho! Tá pra nascer… Filho da puta. Mariquinha é o caralho! Mesmo se fosse… Folgado, achou ruim vai na minha porta”, disse Medrado.

Ainda no vídeo, a rapper fala da importância de denunciar atitudes homofóbicas e de combater o preconceito. “Gosta de fazer os outros passarem vergonha, vai passar vergonha pra todo mundos saber que mora do lado de um homofóbico. Preconceituoso! Tenho nojo de gente preconceituosa. Não vou deixar passar!”, completou a rapper no vídeo.





Supply hyperlink

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here